ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Estudante de medicina é indiciado por estupro de irmãs e prima em Teresina

Até o momento o suspeito não foi preso e é considerado foragido da Justiça


Marcos Vitor

Marcos Vitor Foto: Divulgação

O estudante de medicina Marcos Vitor Aguiar Dantas, 22 anos, foi indiciado pelo crime de estupro contra duas irmãs (de 3 e 9 anos), e uma prima (12 anos). A delegada titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), Camilla Miranda, concluiu o inquérito que apurava as denúncias de estupro de vulnerável cometidos pelo jovem.

A justiça já expediu o mandado de prisão preventiva contra Marcos Vitor e ele não foi localizado até o momento, sendo considerado foragido. A Polícia Federal emitiu um alerta nos aeroportos para evitar que o estudante fuja do país.

Além das duas crianças e a adolescente, todas da família do acusado, há uma quarta vítima. Trata-se de outra adolescente e o crime teria ocorrido no litoral do Piauí, por isso a delegada encaminhou as peças de informações para a Delegacia de Luís Correia investigar. 

Agora, a delegada irá oferecer a denúncia para o Ministério Público Estadual. A Polícia Civil também pede para quem tiver informações sobre o paradeiro de Marcos Vitor, que denuncie através do  telefone 86 3216-5225 ou 181. A denúncia também pode ser feita pelo site da Policia Civil do Piaui. Clique aqui.

Polícia Federal é acionada para ajudar localizar estudante de medicina foragido da justiça

Estudante de medicina acusado de estuprar crianças em Teresina está foragido da Justiça

Estudante de Medicina é acusado de estuprar crianças em Teresina

Próxima notícia

Dê sua opinião: