ELEIÇÕES

"Firmino foi reprovado pelo TCE na Educação, área que ele mais criticou", diz Franzé Silva

Franzé saiu em defesa da pré-candidatura de Fábio Novo e da gestão do governador Wellington Dias


Deputado Franzé Silva é o coordenador da pré-campanha de Fábio Novo

Deputado Franzé Silva é o coordenador da pré-campanha de Fábio Novo Foto: Piauihoje.com

Demonstrando maturidade política, o deputado estadual Franzé Silva participou de live com a imprensa na noite de sexta-feira (25) ao lado de Limma, que venceu a eleição para presidir o diretório estadual do PT no Piauí. Franzé parabenizou o companheiro vitorioso e disse que o partido segue unido, inclusive, já acertando as estratégias para a pré-campanha de Fábio Novo, que este ano vai disputar a prefeitura de Teresina.

Franzé aproveitou para rebater críticas que a gestão de Wellington Dias vinha recebendo e desmentir boatos sobre  a pré-candidatura de Novo. Segundo o parlamentar, Fábio cresce nas pesquisas e por isso tem sido alvo dos adversários. 

"Acabamos de ter a reprovação das contas do prefeito Firmino numa área que ele criticou por vários meses através de sua base política, criticando a Educação no Estado, mas ele foi reprovado pelo TCE exatamente nessa área. Essas coisas levam o deputado Fábio Novo a ser novo para ganhar as eleições em novembro deste ano. No início apostavam que o PT ficaria isolado, primeiro duvidavam da unidade do PT, como nós tínhamos três pré-candidturas, diziam que o PT iria se consumir em briga interna, mas saímos unidos. Depois apostaram que o deputado Fábio Novo não cresceria nas pesquisas, entretanto, estamos o tempo todo dialogando com a classe política, com os partidos e com a sociedade, isso tem feito o crescimento do nosso candidato que saiu de 2% e já ultrapassa os 10%", afirmou.

Segundo Franzé, os ataques à Fábio Novo acontecem porque os adversários temem o crescimento do petista.

"A oposição está mirando no Fábio Novo, acreditamos que isso tem um motivo que é minar o crescimento desse candidato que apresenta uma diversidade muito grande de pensamentos, foi gestor da cultura que é uma área carente, ele possui uma capacidade muito grande de dialogar e estamos dialogando, já trouxemos um grande partido, respeitado, com densidade eleitoral em Teresina, que é o Solidariedade do nosso deputado Evaldo Gomes, vamos seguir com esse diálogo até as convenções", disse.

Franzé também contou que no momento apropriado o PT vai apresentar o nome que será o vice na chapa com Fábio, possivelmente do Solidariedade. 

"O PT vai apresentar o nome mais apropriado que una as forças políticas e a sociedade civil organizada, de preferencia do primeiro partido que aderiu ao PT, que foi o Solidariedade".

Notícias relacionadas

TCE reprova contas da PMT por desvio na aplicação de recursos da Educação

Limma assume PT e diz que Fábio Novo é 'candidatíssimo' sem chance de desistência

Deputado Limma vence Franzé Silva e é eleito presidente do PT no Piauí

Próxima notícia

Dê sua opinião: