CORONAVÍRUS

Em Campo Maior, moradores quebram isolamento e se aglomeram em bares, açude e vaquejadas

A Polícia Militar e Vigilância Sanitária realizaram um trabalho intenso de fiscalização no final de semana


Passeio de jetski é interrompido pela PM em Campo Maior

Passeio de jetski é interrompido pela PM em Campo Maior Foto: Divulgação

Em Campo Maior, a 80 km de Teresina, muita gente desobedeceu o decreto de isolamento social do Governo do Estado e compareceu em eventos por toda a cidade. Equipes da Vigilância Sanitária do município e da Polícia Militar tiveram que intervir para dispersar aglomerações em bares, orla do açude, campo de futebol e até vaquejada.

Na zona rural do município estava havendo uma atividade conhecida como 'Boi na Moita', que é um campeonato onde os gados são soltos no terreno e os vaqueiros saem ao mesmo tempo para capturá-los. Ainda no domingo, uma vaquejada foi flagrada no Bairro Santa Rita com aglomeração de pessoas e desrespeito ao uso da máscara e das medidas de segurança contra o novo coronavírus. 

De acordo com o  coordenador da Vigilância Sanitária de Campo Maior, Ronaldo Paz, as aglomerações foram dispersas e os autores das competições esportivas e proprietários de bares identificados.

 “Foram vários os descumprimentos que conseguimos flagrar. Muito desrespeito às medidas de segurança. Estivemos em campo com rígidas fiscalizações durante todo esse final semana, infelizmente, as pessoas insistem em gerar aglomeração aos finais de semana”, disse Ronaldo Paz.

Coronavírus em Campo Maior:

Atualmente a cidade tem 1.307 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia e 26 óbitos pela Covid-19. Segundo o último Boletim Epidemiológico, 232 pessoas estão em isolamento domiciliar, 11 pacientes estão internados em leitos clínicos e dois em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Próxima notícia

Dê sua opinião: