ZONA NORTE

Suspeitos de terem matado PM morrem em troca de tiros com policiais da Força Tarefa

Soldado Lídio Mesquita, de 37 anos, foi vítima de latrocínio na tarde da última quarta-feira (22) em Teresina


Soldado Lídio à esquerda e dois suspeitos do crime à direita

Soldado Lídio à esquerda e dois suspeitos do crime à direita Foto: Divulgação

Dois jovens, identificados apenas como Pedro e Lucas, morreram na tarde desta quarta-feira (24). Segundo o major Audivam, da Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI), eles são os suspeitos de terem matado o policial militar Lídio Roberto de Sousa Mesquita, de 37 anos, na última quarta-feira (22) em Teresina.

Ainda de acordo com Audivam, policiais da Força Tarefa e do Batalhão Rone localizaram os suspeitos na avenida principal do bairro Monte Verde, onde deram voz de prisão, mas os dois teriam reagido. Teve início uma troca de tiros e tanto Pedro como Lucas foram baleados na região do peito.

A dupla chegou a ser encaminhada ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT), mas já chegaram sem vida à unidade.

O CRIME

O soldado Lídio Roberto de Sousa Mesquita, de 37 anos, lotado no 13º Batalhão de Polícia Militar, foi assassinado com um tiro na cabeça por volta das 14h da última quarta-feira (22). O crime aconteceu na Rua Augusto, Vila São Francisco, zona Norte de Teresina.

Lídio ingressou nos quadros da Polícia Militar do Piauí há 12 anos. Atualmente ele estava lotado no 13º BPM.

Imagens de câmeras de segurança do local registraram o momento do crime. Os dois suspeitos caminham pela rua. Passam duas motos e um táxi por eles. Na terceira os bandidos a interceptam e derrubam o motoqueiro que era o policial Lídio. Ao perceberem que o PM estava armado, um disparo é efetuado contra a nuca do soldado que teve morte imediata. Em seguida, os bandidos fogem levando a motocicleta do PM.

NOTA

O Comando Geral da Polícia Militar do Piauí vem a público solidarizar-se com a família do Soldado PM Lídio Roberto de Sousa Mesquita morto brutalmente no início da tarde desta quarta-feira, 22, em bairro da Zona Norte de Teresina, vítima da ação de assaltantes que o emboscaram e cometeram o latrocínio. Momento em que todos os esforços operacionais da Corporação foram mobilizados para a captura dos perpetradores do crime.

O Soldado Lídio, formado na turma do CFSD em 2008, trabalhou no Ronda Cidadão, Proerdiano e atualmente prestava serviços à sociedade piauiense na 1ª Companhia do 13º BPM, Santa Maria da Codipi, na Capital. Policial militar engajado na atividade, bastante proativo e responsável com seu trabalho, sendo incansável em dar respostas às ocorrências a ele designadas.

A Polícia Militar do Piauí se enluta pela partida prematura do companheiro, prestando aos seus familiares e amigos nossas condolências. Rogamos a Deus que o tenha em um bom lugar.

Notícias relacionadas

Policial Militar do 13º BPM é assassinado com tiro na cabeça na zona Norte de Teresina

Vídeo flagra momento que bandidos roubam moto e matam policial na zona Norte de Teresina

Próxima notícia

Dê sua opinião: