TORNOZELEIRA

Polícia pede à justiça que mãe de Izadora Mourão seja monitorada

O objetivo é que a mãe de Izadora Santos Mourão, Maria Nerci, não mantenha contato com testemunhas


Advogada Izadora Mourão

Advogada Izadora Mourão Foto: Divulgação

A Polícia Civil por meio do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), encaminhou um pedido para a justiça com a adoção de medida cautelar, a fim de garantir que a mãe de Izadora Santos Mourão, Maria Nerci, não mantenha contato com testemunhas.

A advogada, que foi morta com sete golpes de faca na manhã do dia 13 de fevereiro de 2021, na cidade de Pedro II, região Norte do Piauí. O principal suspeito é o irmão e a mãe.

VEJA TAMBÉM:

Mãe da advogada Izadora Mourão é indiciada pelo assassinato da filha

Noivo mostra última conversa e revela detalhes sobre Izadora Mourão; veja prints

Segundo informações,  a autoridade policial sustentou que a medida cautelar diversa da prisão tem como objetivo garantir que Maria Nerci, que ainda permanece solta, não venha a atrapalhar a instrução processual em que figura também como autor material seu filho, João Paulo dos Santos Mourão, preso dois dias depois após o crime bárbaro.

Próxima notícia

Dê sua opinião: