SERVIÇOS

Retorno Transferência de Veículos DETRAN-PI

Mesmo ainda sem uma data prevista para o retorno dos atendimentos presenciais ao publico, o Detran-PI irá continuar adotando o agendamento para despachantes


Retorno das atividades

Retorno das atividades Foto: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PI), informa que o órgão irá retornar para o atendimento ao publico neste primeiro momento por meio de despachantes para realizar o serviço de Transferência de Veículos de carros novos e usados, nesta próxima segunda-feira (10), como já havia sido previsto conforme decreto estadual. Antes o atendimento era prestado apenas para revendedores de veículos e donos de concessionárias.

Mesmo ainda sem uma data prevista para o retorno dos atendimentos presenciais ao publico, o Detran-PI irá continuar adotando o agendamento para despachantes para realizar este serviço ao usuário de trânsito, de forma simples e segura. Os serviços serão ofertados para os municípios de Teresina (Detran Sede) , nos municípios de Parnaíba-PI, Floriano-PI, Picos-PI, e São Raimundo Nonato-PI.

A expectativa é que seja autorizada em breve a retomada das atividades do órgão, em razão de parecer favorável as exigências da vigilância sanitária e assim, aumentar o numero de ofertas dos serviços prestados para todos os usuários de trânsitos ao longo dos dias, como o serviço de renovação de CNH, que está sendo estudado para que retorne em breve, pois este serviço exige a presença do usuário para a realização de exames como a biometria, foto pessoal, e exame médico.

A maioria dos procedimentos mais comuns estão sendo realizados pela internet no site oficial do DETRAN-PI, como: a Comunicação de Venda de Veículo, Impressão das guias para pagamentos do Licenciamento Veicular (CRLV), Emissão do CRLV Digital; Emissão do boleto do IPVA 2020; Consulta de processo do veículo; Consulta de Pontuação; Parcelamento de multas por empresas credenciadas ao Detran-PI. Enquanto outros serviços estão com prazos prorrogados até nova determinação.

Fonte: Ascom DETRAN

Próxima notícia

Dê sua opinião: