Blog do Fábio
Eleições 2020

Valdemir Virgino: trajetória de um líder de comunidades

"Tenho como propostas defender além da moradia digna, a implantação de fábricas e indústrias para geração de emprego e renda em especial aos teresinenses"


O vereador Valdemir Virgino: busca nova gestão (na foto ao lado da esposa Vanuza)

O vereador Valdemir Virgino: busca nova gestão (na foto ao lado da esposa Vanuza) Foto: Divulgação

                      VALDEMIR SIVIRINO VIRGINO, nasceu em 19 de janeiro de 1963 em Parnarama Maranhão, filho de lavradores Maria Virgino e José de Ribamar Virgino. Casado com a Psicóloga Vanuza Virgino, pai de 6 filhos e avô de 7 netos.

                   Veio para Teresina em 1982 em busca de melhores condições de vida, onde concluiu  o ensino médio e iniciou o curso de filosofia(ensino superior).

                   Em 1985 veio a enchente, e então tomou uma grande decisão em sua vida, morar em sua própria casa em um local seguro foi aí que conseguiu um pedacinho de terra na ocupação da vila Risoleta Neves onde reside até hoje.

                  A partir de então iniciou sua trajetória política neste estado iniciando pelos movimentos sociais e comunitários sendo eleito presidente da Associação Comunitária dos Moradores do Bairro,  foi presidente da ULCONORTE – União dos Lideres Comunitários da Zona Norte de Teresina. Ajudou na criação de 14 comunidades em Teresina.

                      Ainda em 1989, já casado, militando nos movimentos sociais conheceu a Europa na companhia de Acilino Ribeiro em uma viagem diplomática a Líbia, passando pela  ,  na qual se deparou com  outra realidade, sobretudo, no tocante ao transporte e a moradia. Ao contrário do Brasil, esses países contam com uma estrutura totalmente diferente: as pessoas tinham moradia, ônibus coletivo de qualidade, passagem gratuita e muitos outros benefícios. Após essa viagem tomou uma importante decisão. Iniciaria sua luta por melhores condições de vida ao povo carente lutando pela igualdade de direitos: moradia digna, oportunidades de emprego, e transporte público de qualidade. 

                    Em 1992, decidiu que era hora de alçar um voo mais alto e lançou-se candidato a vereador pela primeira vez. Obteve pouco mais de 386 votos. Não conseguiu a vitória, mas não esmoreceu. Dois anos depois, em 1994 disputa uma vaga na Assembleia Legislativa e amplia a votação para 510 votos.

                     No ano de 1996, tenta mais uma vez uma vaga na Câmara, mas a votação só chegou a 1256 votos.

                    Em 1998 foi nomeado diretor de recursos fundiários do Instituto de Terras do Piauí – INTERPI, onde contribuiu para a regularização fundiária de várias comunidades  em Teresina.

                      No ano 2000 conseguiu  apenas 1490 pessoas em sua quarta tentativa em ser um parlamentar. Em 2004 não obteve êxito pela quinta vez consecutiva alcançando apenas 1493 votos.

                       Em sua sexta tentativano ano de 2008, foi eleito pelo PTC com 2.060 votos. Ficando conhecido na época como vereador surpresa. Nas várias entrevistas que cedeu aos veículos de comunicação da capital, quando foi questionado pela perseverança em ter se candidatado por tantas vezes respondeu com a seguinte frase: “Mais vale a derrota de uma luta do que a vergonha de não ter lutado.”. Em 2010, já vereador,  assumiu a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMAM, onde prestou relevantes serviços para Teresina na área ambiental, desenvolvendo vários projetos dentre os principais estão:

  • Revitalização do  Parque da Cidade; Criação de um viveiro de mudas denominada de Citronela,  com objetivo de Combater o mosquito transmissor da Dengue.
  • Reformou o Parque Encontro dos Rios.
  •  Implantando no local o Museu dos Rios (mostrando às várias espécies de peixes  existentes nos rios Parnaíba e Poti;
  •  Revitalizou o Parque Ambiental Vila do Porto dentre outros,

             Em 2012, se reelegeu vereador com 4.324 votos pelo Partido PTC.

                        Nas eleições municipais do ano de 2016  foi eleito vereador pela terceira vez com 4.360 votos. Atualmente está filiado ao Partido Republicano Progressista – PRP.

                           Nesses três mandatos consecutivos já fez muito por nossa capital. Foram mais de 2500 indicações, diversos requerimentos, moções e projetos de leis apresentados. Através de suas emendas parlamentares  e indicações possibilitou a efetivação de diversas obras e serviços na capital, especialmente na zona norte. Obras como pavimentação asfáltica, principalmente na comunidade onde reside Vila Risoleta Neves e adjacências (Real Copagre, Água Mineral, Vila São Francisco Norte). Além de  quadras esportivas, academias populares, creches e postos de saúde. Foi autor de vários projetos de lei, aprovados e sancionados pelo Prefeito municipal, sendo os principais: Projeto de Lei nº 4.219 de 17 de fevereiro de 2012, que dispõe sobre a obrigatoriedade de todos os postos de combustíveis de Teresina a disponibilizarem calibradores de pneus; Projeto de Lei  que dispõe sobre a proibição do uso de capacetes, toucas e capuz em estabelecimentos comerciais, industriais, e órgãos públicos e o mais recente é a LEI 4.429 de 05 de agosto de 2013, que dispõe sobre  a veiculação de propaganda para os veículos de taxi

                            Muito já foi feito pela capital, Mas ainda há muito a fazer por Teresina.

                            Em 2018 candidatou-se ao cargo de Deputado Estadual pelo Partido Republicano Progressista- PRP e obteve 8.948 votos em todo o Estado do Piauí.

                             Inicialmente seu principal sonho se resumia a luta por moradia digna para os necessitados. Mas depois de anos de luta e diante das reivindicações  do povo tenho como sonhos e bandeiras a defender além da moradia digna,  irá lutar pela implantação de fábricas e indústrias em nosso Estado, para geração de emprego e renda aos piauienses, em especial aos teresinenses. Acredita que através de isenção fiscal dos governos estaduais e municipais será possível trazer essas indústrias para o Piauí.

 

Próxima notícia

Dê sua opinião:

Sobre a coluna

Fábio Teles

Fábio Teles

Fábio Teles é jornalista. Escreveu nos jornais A Folha do Litoral, Correio do Piauí, Diário do Povo, O Dia e Meio Norte. Trabalhou também na TV Timon, TV MN, Rádios Igaraçu de Parnaíba e Jockey FM. Foi responsável por blogs em vários portais. Retrata a sociedade em sua forma multimídia. FACEBOOK fabiotelesjornalista TWITTER @fabioteles_ INSTAGRAM @pluralagenciadecomunicacao WHATSAPP 86 99903.5941 EMAIL fabioteles@yahoo.com.br

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Enquete