XENOFOBIA

Mulher de Mão Santa faz terror aos parnaibanos em mensagem xenofóbica contra os chineses

Adalgisa Moraes Souza espalhou mensagem preconceituosas em diversos grupos de empregados da Prefeitura de Parnaíba com forma de pressão para retornarem ao trabalho


Adalgisa compartilha mensagem de cunho preconceituoso em grupos de whatsapp

Adalgisa compartilha mensagem de cunho preconceituoso em grupos de whatsapp Foto: Reprodução

Adalgisa Moraes Souza, primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social de Parnaíba, tirou o sábado (23) para compartilhar em grupos de Whatsapp com diretores escolares e parnaibanos em geral uma fake news cheia de preconceitos, inclusive xenofóbica contra a China e seu povo. 

A mensagem de Adalgisa, bem ao estilo do marido, o prefeito Mão Santa, e dos bolsonaristas, compartilhada aos conterrâneos dela diz: "fique em casa mais dois meses que você vai entender porque chinês come cachorro, rato e morcego".

Desde o início da pandemia do novo coronavírus no Brasil, tanto o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, como a primeira-dama tem se mostrado contrários à todas as recomendações de cientistas e instituições como a Organização Mundial da Saúde (OMS) para o enfrentamento à doença. 

Eles seguem a mesma linha do presidente Jair Bolsonaro, logo, são favoráveis à suspensão dos decretos municipais e estaduais que paralisaram atividades econômicas não essenciais e do fim do isolamento social, entre outras medidas.

Ontem (22), inclusive, Mão Santa não só permitiu a inauguração do Mix Atacarejo em Parnaíba como participou do ato recepcionando os clientes na entrada do estabelecimento e discursando no local para mais de quatro mil pessoas que por lá passaram. Por duas vezes, o gestor virou pauta nacional ao chamar o Sars-CoV-2 de 'vírus boiola' em vídeo e por afirmar em uma segunda gravação que bastava 'beber água para matar coronavírus no intestino humano'.

Também por duas vezes o prefeito contrariou o decreto estadual e determinou a retomada do comércio em Parnaíba, sendo derrotado por força da Justiça. 

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), Parnaíba hoje registra seis mortes e 234 infectados com o Covid-19.

Parnaibanos comentam postagem no Facebook com o print da mensagem enviada por Adalgisa

Crise Diplomática

Em março, início da pandemia no Brasil, o deputado Eduardo Bolsonaro provocou uma crise diplomática entre o Brasil e a China ao postar em seu twitter o seguinte: "Quem assistiu Chernobyl vai entender o q ocorreu. Substitua a usina nuclear pelo coronavírus e a ditadura soviética pela chinesa +1 vez uma ditadura preferiu esconder algo grave a expor tendo desgaste, mas q salvaria inúmeras vidas. A culpa é da China e liberdade seria a solução".

Naquele momento o embaixador da China no Brasil, Yan Wanming, rechaçou totalmente a postagem. "A parte chinesa repudia veementemente as suas palavras, e exige que as retire imediatamente e peça uma desculpa ao povo chinês. Vou protestar e manifestar a nossa indignação junto ao Itamaraty e a @camaradeputados. @BolsonaroSP @ernestofaraujo @RodrigoMaia", respondeu e marcou os perfis de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, e Ernesto Araújo, ministro das Relações Exteriores, que se manifestaram logo em seguida, com exceção de Ernesto.

Dois meses depois, a crise entre os países parece ter sido superada, entre o prefeito de Parnaíba e os decretos estaduais do Governador Wellington Dias não.

Notícias relacionadas

Mais de 400 pessoas vão a inauguração de supermercado em Parnaíba, incluindo o Mão Santa

Em vídeo, Mão Santa diz que coronavírus é um 'vírus boiola'

Mão Santa presta desserviço à população em novo vídeo sobre Coronavírus

Mão Santa segue recomendações de Bolsonaro e manda reabrir comércio em Parnaíba

Juiza derruba decreto de Mão Santa e mandar fechar comércios em Parnaíba

Justiça derruba decreto do prefeito Mão Santa e mantém comércio fechado em Parnaíba

Próxima notícia

Dê sua opinião: