OPERAÇÃO JENIPAPO

Preso acusado de 11 mortes e droga avaliada em R$ 100 mil é apreendida em Campo Maior

Homem conhecido como André Capeta é natural de Recife-PE e responde criminalmente por 11 assassinatos


Presos foram trazidos de Campo Maior para Teresina e apresentados à SSP-PI

Presos foram trazidos de Campo Maior para Teresina e apresentados à SSP-PI Foto: Divulgação/Força Tarefa

Em Campo Maior, município situado a 82 quilômetros de Teresina, seis suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas, incluindo duas mulheres, foram presos por policiais da Força Tarefa, sob o comando do Major Audivam, na manhã desta quinta-feira (14). 

Entre os presos está um homem identificado como Marcos André Fontinele Delmiro, mais conhecido como 'André Capeta', de 35 anos, que tinha um mandado de prisão em aberto expedido pela Comarca de Altos e responde judicialmente por 11 assassinatos. Ele é natural da cidade de Recife, Estado de Pernambuco.

Mandado de prisão contra André Capeta

A Operação que recebeu o nome de 'Jenipapo' teve desdobramentos e resultou na prisão de mais cinco pessoas e na apreensão de mais de um quilo e meio de cocaína e mais de meio quilo de maconha. A Força Tarefa estima que, juntos, os entorpecentes renderiam mais de 100 mil reais. Além da droga, também foram quantidade considerável de dinheiro trocado, o que, segundo a polícia, caracteriza o tráfico.

Ainda foram apreendidos joias, relógios e celulares roubados, bem como armas, munições e três motocicletas usadas em crimes. As prisões e apreensões aconteceram nos Bairro Paulo VII, Fripisa, e São João.


No Bairro São João, os policiais prenderam o indivíduo de iniciais J. O. S. e com ele apreenderam mais drogas uma grande quantidade de dinheiro trocados, característico do tráfico.

Já no Bairro Paulo VI, em cumprimento a mandado de prisão em desfavor do indivíduo de iniciais W.C., foragido do sistema prisional, foram encontrados entorpecentes, um revolver calibre 38, e uma pistola Tauros 380. No local foram presas mais três pessoas, entre elas duas mulheres, que auxiliavam na venda, distribuição e estocagem das drogas no Bairro. Uma das mulheres foi identificada por Jaciana.



Próxima notícia

Dê sua opinião: