PICOS

Jovem de Jacobina do Piauí pede ajuda para encontrar o pai que ela não vê há 18 anos

A jovem chegou a visitar o pai na companhia de sua mãe algumas vezes, mas há mais de 18 anos perdeu o contato com ele e deseja reencontrá-lo


Rayssa viu o pai pela última vez há 18 anos, em Picos

Rayssa viu o pai pela última vez há 18 anos, em Picos Foto: Divulgação

Atualizada às 18h48

A estudante Rayssa da Conceição, residente no município de Jacobina do Piauí, que através do Grande Jornal, da rádio Grande FM, e de matéria publicada no Portal Grande Picos, Piauí Hoje apelou à comunidade a lhe ajudar a encontrar seu pai biológico, que segundo ela, poderia estar residindo na cidade de Picos, revelou à nossa equipe, que graças à repercussão das matérias publicadas nos dois veículos conseguiu descobrir o paradeiro de seus familiares.

Rayssa contou que ao fazer contato telefônico com seus irmãos, viveu o momento de alegria e angústia ao mesmo tempo ao saber que o seu pai já havia falecido vítima de acidente trânsito no ano 2012. "Fiquei muito feliz, mesmo que em seguida veio a tristeza em saber que ele não está mais no meio de nós", disse ela.

A jovem ressaltou que em breve conhecerá pessoalmente os irmãos e avós paternos para melhor conhecer a história do seu genitor. "Apesar de não poder ver mais o meu pai, quero conhecer e curtir minha família paterna, sobretudo, minha avó", declarou

Ela ainda agradeceu a todas as pessoas que lhe ajudaram com informações na busca por referências dos familiares que não conhecia.

 Matéria original

A estudante Rayssa da Conceição, residente no município de Jacobina do Piauí, faz um apelo à comunidade para que a ajudem a encontrar seu pai biológico que, segundo ela, pode estar residindo na cidade de Picos, região Sul do Piauí.

De acordo com a jovem, que hoje tem 21 anos, o seu genitor, que ela conheceu apenas como “ Tonhão”, trabalhou como pedreiro na construção de banheiros do programa Melhorias Sanitárias Domiciliares da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), no ano de 1999, quando o mesmo teve uma relação amorosa com sua mãe.

Geraldo Magela retorna para o governo Wellington como assessor da secretaria de Transporte

Defensores da Lava Jato no STF já admitem derrota em julgamento sobre suspeição de Moro

Piauí pede ao STF autorização para importar 2 milhões de doses da vacina russa

A jovem ressaltou que chegou a visitar o pai na companhia de sua mãe algumas vezes, mas há mais de 18 anos perdeu o contato com ele e deseja reencontrá-lo.

Rayssa disponibilizou seu contato para que as pessoas que possam repassar informações que levem ao paradeiro da pessoa procurada. Telefone (89)994261254.

Fonte: Grande Picos

Próxima notícia

Dê sua opinião: