SANFONA

Os Faustinos interpretam composições de Salgado Maranhão em live no dia 11

O projeto O Poeta e sua hora, inicialmente, contou com o apoio musical de Jardel de Castro, logo depois, Rubens foi agregado ao projeto


Salgado Maranhão

Salgado Maranhão Foto: Divulgação

A Live O Poeta e sua Hora – Diálogo de Oficina, acontece nesta sexta-feira (11/06), a partir das 19 horas com a participação especial do poeta Salgado Maranhão, ele que tem composições gravadas por grandes intérpretes da música popular brasileira, como Zizi Possi, Ivan Lins, Elba Ramalho, Yahoo, Xangai, Paulinho da Viola, Dominguinhos e Alcione.
Nesta Live, A banda 'Os Faustinos', liderada pelo músico Rubens Figueiredo, interpretará, além das canções de Salgado, grandes nomes da música brasileira, passando, como de praxe, pela música instrumental. Uma noite ilustrada, sofisticada, popular com um toque junino.

O projeto O Poeta e sua hora, inicialmente, contou com o apoio musical de Jardel de Castro, logo depois, Rubens foi agregado ao projeto. “Adorei a ideia de entrar nos eventos na casa da Soraya (produtora), onde fui apenas como expectador. Acabei me encaixando. Participei de algumas edições, a exemplo da temática dos grandes festivais de música do Piauí e do Brasil”, disse o músico. O Projeto O Poeta e sua Hora já realizou mais de 20 edições presenciais, antes da pandemia.

Posteriormente, Lucas Rolim, que se apresenta no projeto com recitais de poesia, mas que também é percussionista, se juntou à formação da banda. “O Jardel saiu da banda e, então, veio o convite ao Alexandre Rabelo, baixista. A banda precisava de um violonista e guitarrista, foi então que Wellington Torres aceitou o desafio”, conta Rubens. Para a Live desta sexta-feira, a novidade Chico Nascimento, no baixo. Além disso, mais uma expressiva voz surge como convidada, a cantora Esther L ima.

“A expectativa é boa e todos estão empolgados. Teremos a participação do Salgado Maranhão, que para nós é uma honra. Um poeta, compositor e escritor de vários livros já inserido na música e na cultura piauiense, como nacional”. Rubens afirma ainda que será fantástico tocar e cantar três canções de Salgado, entre elas “Caminhos do Sol”, que se tornou grande sucesso nacional na voz de Zizi Possi; “Lençóis& rdquo;, em parceria com o maestro Zé Américo Bastos, que é interpretada pela cantora Alcione na trilha do mais recente disco da maranhense “Tijolo por Tijolo” (2020). Outra canção de Salgado escolhida para a noite será “Love”, escrita em parceria com Zé Quaresma, da Banda de Teresina Validuaté. Love foi gravada pela banda e é um de seus sucessos. Momento este da Live em que o poeta maranhense intercalará com poemas próprios. Ainda o poeta Feliciano Bezerra fará uma participação, com a música de Gilberto Gil “De onde vem o baião”.

Outra inovação da Live é a integração com o sanfoneiro Inácio Botelho. “O Inácio integra o nosso roteiro musical, tudo a ver com o período junino. Apesar da pouca idade, ele é um talento e o público certamente apreciará”. Rubens complementa que o repertório da Live transita em vários estilos e essa parte mais instrumental da sanfona traz acordes de grandes nomes da música, como Luiz Gonzaga, Sivuca, Dominguinhos e Hermeto Pascoal.

Próxima notícia

Dê sua opinião: