EVENTO

Equatorial Piauí e Procon Municipal realizam ação social em alusão ao Dia do Consumidor na

Na ocasião, os clientes da Equatorial Piauí poderão realizar troca de lâmpadas fluorescentes ou incandescentes por lâmpadas de Led que consomem menos energia.


Equatorial e Procon

Equatorial e Procon Foto: Divulgação

A Equatorial Piauí em parceria com o Procon Municipal de Teresina e a Ordem dos Advogados do Brasil Secção Piauí (OAB-PI) realizam nessa sexta-feira (18), uma ação social na Vila da Paz, zona norte de Teresina. A atividade faz parte de uma programação promovida pelo Procon em alusão ao dia do consumidor, comemorado na última terça-feira (15).

Na ocasião, os clientes da Equatorial Piauí poderão realizar troca de lâmpadas fluorescentes ou incandescentes por lâmpadas de Led que consomem menos energia. Também será possível fazer o cadastro na Tarifa Social de Energia Elétrica, que oferece desconto de até 65% aos clientes baixa renda da distribuidora e, além disso, ocorrerá negociação de débitos para os consumidores que estão inadimplentes.

Equatorial Energia inaugura eletroposto em Teresina e coloca o Piauí na rota da mobilidade

Equatorial moderniza rede elétrica para acabar a falta de energia na Cacimba Velha

Equatorial Piauí lança programa que garante 50% de desconto na compra de eletrodomésticos

O Procon e a OAB-Piauí também estarão presentes no evento, promovendo apresentações e orientações aos consumidores “Queremos mostrar à população da região como funciona o nosso serviço, o atendimento e como é fácil e acessível falar com a gente”, afirma Nara Cronemberger, coordenadora do Procon Municipal de Teresina. 

A ação acontece na Fundação Nossa Senhora da Paz das 9h às 17h desta sexta-feira, e tem objetivo de orientar e reforçar os direitos e deveres dos consumidores “Além de levar os serviços da Equatorial diretamente aos clientes da região, também queremos conscientizar, dar orientações sobre como solicitar serviços e quais as obrigações e direitos que cada um tem em relação ao fornecimento de energia que chega em suas casas” ressalta Márcio Araújo, advogado jurídico da Equatorial Piauí.

Fonte: Ascom Equatorial

Próxima notícia

Dê sua opinião: