Blog do Deusval
LUTO

Dandozão de Aço

Dandô era um líder político nato, pois muito carismático, cativante, democrático, amigo e popular


Falecimento

Falecimento Foto: Divulgação

Morreu, dia 8 de abril, em Teresina, aos 88 anos, um dos melhores filhos de São João do Piauí de todos os tempos: Claudionor Paes Landim de Oliveira, mais conhecido como Dandô. Nas lides políticas, com seu jeito confiante, era popularmente chamado de Dandozão de Aço.

Dandô era um líder político nato, pois muito carismático, cativante, democrático, amigo e popular. Foi prefeito de São João do Piauí em três mandatos, e talvez tenha sido na história local o dirigente mais identificado com a população.

Quando cheguei em São João do Piauí para morar em 1969, Dandô era prefeito pela primeira vez. Mesmo com 10 anos de idade pude perceber a sua força com o povo, pois ele atravessava a cidade da sua residência para a Prefeitura Municipal a pé e ladeado de amigos e correligionários.

Com o Dandô não tinha tristeza nem cara feia. Alegre, simpático e permanentemente solicito para atender a todos. Não sabia dizer não, sempre disponível para ajudar o próximo, além da índole natural de humildade e simplicidade.

Eram épocas de estradas vicinais e precária comunicação, por isso o acesso à Capital era difícil, para poucos. O Dandô teve a visão de criar e manter a Casa de Estudante Sanjoanense (CESAN) em Teresina e que deu oportunidade a quem via nos estudos a sua redenção.

Claudionor Paes Landim de Oliveira deixa em seus conterrâneos o respeito, a gratidão e a saudade por ser um homem bom. Uma vez ele me disse com satisfação: meu pai deixou umas coisas para mim (fazenda) e eu dei ao povo. Este era o Dândô. Que Deus o guarde em bom lugar!

Próxima notícia

Dê sua opinião: