Publicado edital de licitação da ponte de Santa Filomena

Senador Elmano Férrer esteve com ministro dos Transportes Valter Casimiro


Senador Elmano Férrer com ministro dos Transportes Valter Casimiro

Senador Elmano Férrer com ministro dos Transportes Valter Casimiro Foto: Assessoria

Foi publicado o edital de licitação para as obras da Ponte de Santa Filomena, que ligará o Piauí ao Maranhão, facilitando o escoamento da produção de soja dos cerrados. O senador Elmano Férrer (PODEMOS-PI) esteve com Ministro dos Transportes, Valter Casimiro, nesta quinta-feira (27), para tratar sobre o tema e ainda sobre a continuidade das obras de alargamento da BR-135.

A construção de uma ponte na região dos cerrados, ligando o município de Santa Filomena, no Piauí, à Alto Parnaíba, no Maranhão vai transformar a realidade da região, dando agilidade e facilitando o acesso e tráfego de veículos. “A região é grande produtora de soja e a falta de escoamento atrapalha o desenvolvimento do agronegócio. Atualmente o transporte é feito por balsa. Com a ponte, a soja chegará com mais facilidade ao porto de Itaqui, em São Luís ”, afirmou o senador Elmano Férrer.

A Ponte de Santa Filomena é chamada de ponte da amizade e corresponde ao sonho de produtores da região. São cerca de 400 mil hectares de plantação. A obra vai ser administrada pela superintendência do DNIT no Piauí. O superintendente do DNIR, Ribamar Bastos, relatou as dificuldades dos produtores da região. “A travessia por balsa forma diariamente grandes filas de caminhões carregados de grãos. Esta condição está limitando a produção agrícola na região de abrangência do empreendimento, trazendo enormes prejuízos ao Estado do Piauí e ao País. A concretização do empreendimento resolverá de forma definitiva esta questão”, disse.

Na audiência com o ministro dos Transportes, o senador Elmano Férrer tratou também da continuação da obra de alargamento da BR-135, no trecho entre os municípios de Eliseu Martins a Bom Jesus. “A BR-135 é a espinha dorsal da região dos cerrados. Já foi conhecida como rodovia da morte e agora é conhecida como rodovia. 

Fonte: Assessoria

Próxima notícia

Dê sua opinião: