Criador de página de ódio ganha cargo com 13 mil de salário

Tercio Tomaz foi nomeado assessor de Bolsonaro, com salário de R$ 13 mil


Tercio Tomaz será assessor pessoal de Bolsonaro

Tercio Tomaz será assessor pessoal de Bolsonaro Foto: Facebook

O presidente Jair Bolsonaro contratou como assessor do gabinete pessoal da Presidência da República, para um cargo comissionado que receberá R$ 13 mil, Tercio Tomaz, responsável pela página 'Bolsonaro Opressor 2.0', que tem mais de um milhão de seguidores no Facebook, informa reportagem de O Globo.

Durante as eleições, a página postava memes agressivos e xingamentos contra adversários políticos, jornalistas e artistas. Um dia depois do assassinato de Marielle Franco, o perfil fez críticas à vereadora e postou uma montagem com uma foto da parlamentar do PSOL ao lado de outra de policiais mortos, com a legenda: "Tô mais preocupado com a morte dos milhares de policiais todo ano".

Tomaz estava lotado desde 2017 no gabinete de Carlos Bolsonaro na Câmara de Vereadores no Rio, mas desde a época da pré-campanha, passou a exercer a função de assessor e fotógrafo de Bolsonaro, apesar de receber o salário do cargo comissionado.

Fonte: O Globo

Próxima notícia

Dê sua opinião: