INVESTIGAÇÃO

Polícia reconstitui assassinato de piauiense e família em São Paulo

O piauiense foi encontrado carbonizado junto com a esposa e o filho no porta-mala de um carro


Piauiense e família são encontrados mortos dentro de carro

Piauiense e família são encontrados mortos dentro de carro Foto: Arquivo pessoal

A Polícia Civil realizou nessa quinta-feira (12), a reconstituição do crime no qual o casal Romuyuki Gonçalves e Flaviana Gonçalves, além do filho Juan Victor, de 15 anos, foram encontrados mortos dentro do porta malas de um carro em São Bernardo do Campo, em São Paulo. Romuyki era natural do Piauí e morava com a família em SP.

 O crime encontrou em janeiro deste ano, quando a família foi encontrada carbonizada. Ao todo, cinco pessoas são suspeitas de participar do crime, incluindo Ana Flávia Gonçalves, filha do casal, e sua namorada, Carina Ramos. Todos estão em prisão temporária desde o começo de fevereiro. Os suspeitos participaram de forma individualizada da reconstituição. Um por vez contou a sua visão do ocorrido.

A filha foi a primeira a dar sua versão sobre o assassinato dos pais e do irmão. O grupo teria planejado um roubo à casa da família, matado todos após não conseguir o dinheiro. Em seguida, as vítimas foram colocadas no carro, que foi incendiado.

A reconstituição foi acompanhada por 50 policiais, representantes do Ministério Público e familiares das vítimas. Depois de Ana Flávia, a namorada dela, a Carina, deu continuidade e foi apontada pelos primos como a executora do crime. A execução ocorreu após o grupo não encontrar os R$ 85 mil que eles acreditavam que estariam escondidos em um cofre na casa.

Próxima notícia

Dê sua opinião: