ABAIXO-ASSINADO

Vereador colhe assinaturas para fim das atividades da Equatorial no Piauí

Segundo Deolindo Moura, a população do Piauí é submetida a cobranças abusivas, falta de informações e sofre com quedas constantes no serviço de energia elétrica


Equipe da Equatorial

Equipe da Equatorial Foto: Piauihoje.com

Um abaixo-assinado virtual solicita à Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) que revise e, se necessário, cancele o contrato de concessão pública para as atividades da Equatorial Piauí. A iniciativa é do vereador de Teresina, Deolindo Moura (PT), que também entrará com ação civil pública junto ao Ministério Público Federal (MPF) contra a companhia.

“A população é castigada, diariamente, com o descaso dessa empresa. São cobranças abusivas, quedas de energia constantes, além da falta de informações. Um verdadeiro desrespeito ao consumidor”, afirmou o vereador.

De acordo com o abaixo-assinado, "as pessoas que assinam a presente petição eletrônica requerem providências junto a esta Agência Nacional, bem como ao MPF no Piauí para fins de fiscalizar o contrato de concessão de energia da Equatorial Energia no Piauí, devendo, após a constatação da má prestação do serviço, adotar as medidas cabíveis, em especial, a revisão e rescisão do contrato, com a suspensão imediata das cobranças indevidas e abusivas que estão ocorrendo diariamente".

Clique aqui para acessar o documento e preencher o formulário.


Próxima notícia

Dê sua opinião: