AÇÃO

Missão Fida avalia positivamente ações no Piauí com perspectivas de novas parcerias

Patrícia Vasconcelos agradeceu as equipes pelo empenho no cumprimento das metas e citou as ações da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar


Missão FIDA

Missão FIDA Foto: Divulgação

Após 15 dias, a Missão do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) de Apoio à Implementação do Projeto Viva o Semiárido, a segunda totalmente remota no estado, encerrou nessa sexta-feira (27) com assinatura de um memorando.

A secretária de Estado da Agricultura Familiar, Patrícia Vasconcelos; o coordenador do Projeto Viva o Semiárido no Piauí, Francisco das Chagas Ribeiro; e equipes, representantes das co-executoras como a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o Emater; o oficial de Programas Fida no país, Hardi Vieira; e consultores participaram da cerimônia de encerramento.

 

Patrícia Vasconcelos agradeceu as equipes pelo empenho no cumprimento das metas e citou as ações da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF) realizadas durante a pandemia, que contribuíram para o bom desempenho dos grupos e famílias beneficiadas com o projeto, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA-Covid), Quitandas Virtuais, Programação de Alimentação Saudável (PAS) e a Campanha de Combate à Violência contra a Mulher Rural, realizada pelo Comitê de Políticas Públicas para Mulheres Rurais, formado por diversos órgãos do estado e coordenado pela secretaria.

 

“Ficamos muito satisfeitos com o resultado da missão, principalmente com essas perspectivas de novas parcerias após a finalização do projeto em junho de 2021 e também da avaliação positiva e produtiva dos muitos frutos que estão aparecendo nestes 89 municípios dos cinco territórios onde o PVSA atua. Destaque para a ovinocaprinocultura na região do Vale do Itaim com os trabalhos da Coovita e da Ascobetânia, dos quintais produtivos e publicações na área da gastronomia com o lançamento do livro “Gastroquinta”: gastronomia dos quintais, em que os dois principais personagens do livro são beneficiários do Piauí, o Otoniel do assentamento São José, de Valença, e a Perpétua, de São José dos Cocos, do município de Ipiranga; e outros como trabalho desenvolvido com as Cadernetas Agroecológicas, com a apicultura, enfim, um conjunto de resultados obtidos por meio dessas parcerias realizadas pela SAF”, destacou o coordenador Francisco das Chagas Ribeiro.

 

O oficial dos Programas do Fida no Brasil, Hardi Vieira, enfatizou que a missão aproveitou para verificar o andamento de mais de 211 investimentos produtivos, e que, além disso, a equipe de consultores realizou discussões com a Seduc sobre os subcomponentes que trabalham nas mais de 80 escolas e por causa da pandemia não está havendo aulas no momento. “Então, estamos vendo a possibilidade de extensão do projeto de 6 a 12 meses, de modo a garantir a integralidade da ação de educação continuada que vai beneficiar de 8 a 12 mil alunos, e o projeto gostaria de garantir o alcance desta meta. Além disso, foi discutida a possibilidade de dois novos investimentos no estado, um com Fundo Verde do Clima e com a colaboração do BID Clima e outro com BNDES, trazendo novos investimentos que irão suceder o PVSA, até agora um projeto de grande sucesso no semiárido do estado, que trouxe investimentos produtivos gerando renda e, principalmente, segurança alimentar e nutricional”, pontuou o chefe da missão.

Durante o período da missão, foram realizadas reuniões remotas com a participação de representantes da Seduc, Sefaz, Sasc, Sepaln e empresas de Assistência Técnica (Emater, Emplanta, Cootapi, Celta, Semear, Cáritas, CEAA e Engeter).

Além de Hardi Vieira, integraram a missão, o coordenador técnico e especialista em Desenvolvimento Rural, Emmanuel Bayle; o especialista em Planejamento, Monitoramento e Avaliação, Rodrigo Dias; especialista em Investimento Produtivo e Comercialização, Pedro Meloni; a especialista em Contratações, Aquisições e Arranjos Institucionais, Lucianna Matte; e o especialista em Gestão Financeira, Danilo Pisani.

Fonte: CCOM

Próxima notícia

Dê sua opinião: