Criança morre e família fica ferida após carro descer barranco

Ainda não há detalhes sobre o acidente. A família foi levada em estado grave para o hospital


Criança morre e três ficam feridos em acidente na PI-247

Criança morre e três ficam feridos em acidente na PI-247 Foto: Arquivo pessoal

Uma criança de oito anos morreu e outras três pessoas ficaram feridas em acidente no final da tarde de domingo (21) na PI-247, entre Uruçuí e Ribeiro Gonçalves. A vítima fatal foi identificada como Kelly de Jesus da Silva.

O veículo era conduzido por Rangel Pereira da Silva e ocupado pela esposa Daiane, e as duas filhas Kelly e Kauanny. O motorista perdeu o controle da direção e o carro modelo Volkswagen Saveiro desceu um barranco nas margens da rodovia.

Segundo informações de testemunhas, o carro apresentou falha mecânica no momento em que passava por uma curva. A família havia saído da localidade Bananeiras, onde passou o feriado, e seguia em direção ao município de Uruçuí.

A menina Kelly vinha na carroceria do carro e no momento do acidente foi sacada para fora do carro e teve morte imediata ao quebrar o pescoço. A irmã de Kelly também estava na carroceria, mas sofreu apenas ferimentos leves.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e socorreu os feridos para o hospital. Ainda não há atualizações sobre o estado de saúde da família.

A Prefeitura de Uruçuí divulgou uma nota de pesar pelo falecimento da criança:

  • A Prefeitura Municipal de Uruçuí através da Secretaria de Educação prestam solidariedade e lamentam o falecimento da aluna Kelly de Jesus da Silva que estudava o 3° ano do ensino fundamental na escola Municipal Itajacy Pacheco Martins. Faleceu na tarde deste domingo em um acidente de carro na estrada que liga Uruçuí a Ribeiro Gonçalves.
  • É com grande pesar que os funcionários, diretores,  coordenadores, professores e alunos da rede municipal se sentem nesse momento de dor e ao mesmo tempo desejam paz e muita força ao familiares de Kelly.

Fonte: Redação Piauí Hoje

Próxima notícia

Dê sua opinião: