GORDOFOBIA

Modelo brasileira é impedida de embarcar no Catar por 'ser muito gorda'; vídeo

A modelo foi informada que teria que comprar duas passagens para poder usar dos assentos no avião


Juliana Nehme

Juliana Nehme Foto: Instagram

A influenciadora e modelo plus size Juliana Nehme foi às redes sociais, na última quarta-feira (23), para contar que foi proibida de viajar para o Catar por ser "gorda demais”.

Tudo aconteceu quando a famosa fez uma conexão para o Líbano. "A aeromoça da Catar disse que eu não posso embarcar porque eu sou muito gorda e não tenho direito a essa passagem.   Estou eu, a minha mãe, a minha irmã e meu sobrinho, nós pagamos 4 mil dólares (cerca de R$ 21 mil) por essas passagens", falou.Em seguida, Juliana disse que não sabe o que fazer. "Agora, ela simplesmente se nega a dar as passagens e a me deixar embarcar no voo para Doha e de lá para São Paulo porque sou gorda. Agora, o que eu vou fazer?", perguntou indignada.

A modelo revelou também que a companhia aérea afirmou que ela não tinha o direito à passagem econômica, e sim a executiva que é muito mais cara, se não ela teria que comprar dois bancos comuns para “caber no assento” e viajar tranquilamente.

"Eles estão negando o direito de eu viajar. Eu vim de Air France normal, não tive problema, e agora eles estão me negando a minha passagem... Gente, eu tô desesperada, me ajudem. Eles não querem que eu embarque porque eu sou gorda. A passagem business custa 3 mil dólares e não tenho. Não sei o que fazer", finalizou.

Veja o vídeo:


Fonte: Revista Ana Maria

Próxima notícia

Dê sua opinião: