Arquitetura e a Gastronomia são artes que caminham juntas


Cozinha de um famoso restaurante em São PauloCozinha de um famoso restaurante em São PauloFoto: Divulgação

A Arquitetura e a Gastronomia são artes que caminham juntas e até se complementam.

A Arquitetura trabalha com a criação, com o belo, com o agradável e desperta nas pessoas sensações diversas pelos espaços criados, pela harmonia das texturas, das cores e das composições de volumes.

A Gastronomia, por sua vez, também trabalha com a criação, com a busca do que é belo, com o despertar de sensações através de sabores, cheiros, texturas, cores e com harmonia das composições nas apresentações dos pratos.

Restaurante Sanborns de los AzulejosRestaurante Sanborns de los AzulejosFoto: Divulgação

Podemos dizer que a estética, a volumetria e o prazer de se deixar envolver pelas emoções são características de ambas.

A Arquitetura cria os espaços e a Gastronomia usa esses espaços. Considero a cozinha como o principal espaço da casa. É na cozinha que as famílias e também os amigos se reúnem quando gostam de cozinhar. Mesmo os que não curtem a arte de cozinhar, fazem acontecer as reuniões de família, as reuniões de amigos e até mesmo as reuniões de negócios, ao entorno da mesa. O sucesso dessas reuniões depende principalmente da boa qualidade das iguarias servidas.

A Arquitetura é cultura e história. A Gastronomia também é cultura e história. Podemos descobrir os costumes, o modo de vida dos nossos antepassados através da Arquitetura e também através da Gastronomia.

Assim como a Arquitetura evoluiu em formas e em técnicas, a Gastronomia teve a sua evolução e conta hoje com equipamentos modernos e eficientes que nós, que não somos Chefs e nem trabalhamos em cozinhas industriais estamos longe de imaginar.

Existe a especialidade “Arquitetura de Cozinhas Industriais”. Em cidades desenvolvidas como São Paulo, por exemplo, escritórios especializados no assunto fazem os projetos dos grandes restaurantes.  É isto que faz com que os serviços desses restaurantes fiquem cada vez mais, perfeitos e sofisticados.

A Arquitetura foi e é a minha primeira paixão. Desde cedo aprendi a admirar as obras dos renomados nomes da Arquitetura através dos livros, nas viagens em que fazia pelo Brasil ou por outros países, antes mesmo de entrar para o curso de Arquitetura.  Trabalhar com o belo, com a melhoria da qualidade de vida das pessoas é encantador e gratificante.

A Gastronomia é hoje a minha segunda paixão. Aprendi a gostar da arte de cozinhar um pouco mais tarde, quando saí da casa dos meus pais para morar em outra cidade. Percebi então que tinha afinidade com as panelas e senti que podia despertar em minhas “cobaias” o prazer dos sabores. É um dom, uma alquimia, não sei, só sei que me seduz mais e mais a cada dia. É indescritível a sensação de ver as pessoas deliciarem com as iguarias que elaboramos com capricho e com amor.

Nesta coluna, abordaremos os mais diversos assuntos sobre gastronomia, as boas experiências na cozinha cujas receitas serão testadas. Faremos um paralelo entre gastronomia e Arquitetura, sempre que possível.

Vez por outra, abordaremos temas sobre nossas raízes, fazendo um resgate da culinária local, dos nossos costumes e da nossa cultura.

Espero que todos se deliciem.

Louças na Central de Artesanato no MéxicoLouças na Central de Artesanato no MéxicoFoto: Divulgação
Louças na Central de Artesanato no MéxicoLouças na Central de Artesanato no MéxicoFoto: Divulgação

Próxima notícia

Dê sua opinião:

Sobre a coluna

Goretti Mendes

Goretti Mendes

Arquiteta e Urbanista formada pela Universidade Federal de Pernambuco. Também é especialista em Ciências Ambientais pela Universidade Federal do Piauí. Amante da arte sob qualquer forma de expressão, vê na Gastronomia e na Arquitetura artes que se complementam.

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Enquete

Diante dos últimos acontecimentos, qual Poder está em mais descrédito?

ver resultado