Política

Marcelo Castro promete fazer oposição a Bolsonaro

Senador eleito disse, no entanto, que jamais fará oposição ao Brasil
Fonte: Paulo Pincel | Editor: Alliny Maria 19/11/2018 13:00
Senador eleito Marcelo Castro (MDB-PI) Senador eleito Marcelo Castro (MDB-PI)Foto: Paulo Pincel

O senador eleito Marcelo Castro (MDB) promete ser uma parlamentar de oposição ao govrno, jamais ao país. O deputado federal esteve na Assembleia Legislativa para participar da sessão solende de outorga do título decidadania piauiense ao ex-ministro das Minas e Energia, senador Edíson Loibão (MDB-MA).

Marcelo Castro ressaltou que sempre foi um político de posições moderadas, sem radicalismo e que assim vai atuar no Senado Federal a partir de fevereiro.

Marcelo Castro elegeu três prioridades no mandato: a mudança da legislação para que haja a cobrança de tributos nos estados produtores de energia, como é o caso do Piauí. Atualmente, o Piauí não ganha nada pela energia que é produzida aqui. A cobrança é feita pelos estados que consome a energia produzida e não nos estados onde essa energia é produzida.

A segunda bandeira de luita do senador Marcelo Castro será a descentralização da saúde, com a ampliação dos ataendimentos nos hospitais regionais já existentes em Parnaíba, Campo Maior, Piripiri, Amarante, Floriano, Valença, Picos, São João do Piauí, Bom Jesus e São Raimundo Nonato.

E a terceira prioridade, segundo Marcelo castro, será a ampliação dos investimentos em agricultura.

Comentários