Sem acordo, voto vai definir presidência de comissões

Oposição ameaça buscar na Justiça direito de indicar presidentes da Saúde e Educação


Deputados no Plenário da Assembleia Legislativa

Deputados no Plenário da Assembleia Legislativa Foto: PAULO PINCEL/PH

O deputado Franzé Silva (PT) adiantou que se não houver acordo até a próxima semana, os sete membros indicados pelos partidos ou blocos partidários vão decidir no voto a indicação dos presidentes das comissões técnicas que ainda não estão definidas.

Franzé ressalta que houve um entendimento entre as lideranças desses partidos e blocos e as principais comissões já definiram seus presidentes e até os vices. A indicação dos presidentes obedeceu o critério da representatividade e a importância da comissão.

Na mesma reunião, prosseguiu Franzé, ficou estabelecido uma ordem. Por ela, ao bloco da oposição coube indicar a Comissão de Direitos Humanos e Juventude

Em uma nova reunião agendada para a próxima segunda-feira (11), às 9h30, no gabinete do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (MDB), os líderes dos partidos/blocos vão tentar um acordo entre as bancadas do governo e de oposição para indicação dos presidentes das comissões técnicas que ainda estão sem definição.

 
Deputado estadual Franzé Silva (PT)Deputado estadual Franzé Silva (PT)                                     [FOTO:PAULO PINCEL/PH]

Comissões

O deputado Wilson Brandão (PP) vai presidir a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o vice será o deputado Henrique Pires (MDB).  A Comissão de Administração Pública e Política Social terá o deputado Severo Eulálio Neto (MDB) como presidente. O deputado Nerinho (PTB) será o presidente da Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, com o deputado Franzé Silva de vice.  Na Comissão de Infraestrutura e Política Econômica, o presidente será deputado Georgiano Neto (PSD).

“Os deputados se reuniram e entraram num consenso e essas quatro Comissões serão instaladas na próxima semana. As demais, nós vamos procurar um entendimento até a próxima segunda-feira para que todas as Comissões funcionem plenamente na Casa”, disse o presidente da Assembleia, deputado Themístocles Filho.

Fonte: Paulo Pincel

Próxima notícia

Dê sua opinião: