Prefeitura de Teresina divulga tabela de pagamento

Servidores da Educação recebem sempre no primeiro dia


O prefeito de Teresina, Firmino Filho

O prefeito de Teresina, Firmino Filho Foto: Renato Bezerra/PMT

As secretarias municipais de Finanças e de Administração e Recursos Humanos divulgaram nesta quarta-feira (9), a tabela de pagamento dos servidores municipais da Prefeitura de Teresina relativa ao ano de 2019.  Confira a tabela de pagamento 2019.

“Por mais um ano consecutivo divulgamos a tabela de pagamentos dos servidores municipais da capital piauiense nos primeiros dias de janeiro. Este é um compromisso que vem se perpetuando desde a primeira gestão do prefeito Firmino Filho e que é reflexo do trabalho atento e cuidadoso não apenas com as contas do município, mas também de respeito para com os nossos servidores”, destaca o secretário de Administração, Nonato Moura.

“Os pagamentos são feitos por mês e divididos por secretarias. Em geral, começam nos últimos dois dias úteis do mês e se estendem até os dois dias úteis do mês seguinte. Este mês, por exemplo, os pagamentos começam dia 30 de janeiro e seguem  até 4 de fevereiro”,  acrescentou o secretário de Finanças, Francisco Canindé, atecipando também a data do pagamento do 13º salário: 20 de dezembro.

Servidores da Secretaria Municipal de Educação recebem primeiro. Arsete, Sema, Semf, Secretaria de Planejamento (Semplan), Gabinete do Prefeito, Gabinete do Vice-Prefeito, Secretaria de Governo (Semgov), Procuradoria Geral (PGM), Fundação Cultural Monsenhor Chaves (FCMC), IPMT e Câmara Municipal, em seguida.

A tabela prossegue com o pagamento do pessoal da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (Sempom), da Secretaria Municipal de Concessões e Parcerias (Semcop), Semduh, Semcom, Semjuv, Semdec, Semel, Semcaspi, Semam, Semest, Fundação Wall Ferraz, Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR), Strans, SDUs, Eturb e Prodater recebem no terceiro dia de pagamento. E, por fim, o pagamento da folha será encerrado com o repasse aos servidores da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

Fonte: PMT

Próxima notícia

Dê sua opinião: