Política

Pesquisa IPPI também mostra vitória de Rafael Fonteles no primeiro turno; veja números

Rafael aparece com 50,06% dos votos válidos e Sílvio aparece com 43,43%

Da Redação

Terça, 20/09/2022 às 12:20



Foto: Montagem/Piauí Hoje Rafael Fonteles e Silvio Mendes
Rafael Fonteles e Silvio Mendes

Mais uma pesquisa eleitoral aponta a vitória de Rafael Fonteles (PT) no primeiro turno para governador do Piauí. De acordo com levantamento do Instituto IPPI, se as eleições fossem hoje o candidato do PT venceria com 50,06% dos votos válidos, mais de seis pontos percentuais à frente do candidato do União Brasil, Sílvio Mendes, que aparece com 43,43% dos votos válidos.  

Coronel Diego Melo (PL) teria 2,07%; Gessy Lima (PSC) aparece com 1,50%; Ravenna Castro (PMN) tem 0,63%; Gustavo Henrique (Patriota) 0,63%; Madalena Nunes (PSOL), Lourdes Melo (PCO) e Geraldo Carvalho (PSTU) aparecem com 0,56% cada.

Na pesquisa com apoios, Rafael vai a 56,98% dos votos válidos com apoio de Lula e de Wellington Dias. Silvio Mendes, com apoio do ministro-chefe da Casa Civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira (Progressistas), teria 35,52%. Coronel Diego, com apoio de Bolsonaro, aparece com 3,52%; Gessy Lima, com apoio de Pastor Everaldo, tem 1,64%. Os demais candidatos têm menos de 1% dos votos.


Considerando os votos nulos e brancos, Rafael Fonteles também está na liderança, tanto na pesquisa estimulada quanto na espontânea. Na estimulada, ele aparece com 40% das intenções de voto, contra 34,70% de Sílvio Mendes.

Em seguida vêm Coronel Diego Melo, com 1,70%, e Gessy Lima, com 1,2%. Os demais candidatos pontuaram menos de 1% das intenções de voto. Não souberam ou não responderam 11,10% dos entrevistados, 2% votariam nulo ou branco e 7,10% não votariam em nenhum/ninguém.

Na pesquisa espontânea, ele foi citado por 23,05%, enquanto Sílvio foi lembrado por 20,10%. Outros nomes foram lembrados por menos de 2% do eleitorado. Não sabe ou não opina soma 49,30%; nenhum/ninguém, 2%; e nulo/branco, 1,80%.

FICHA TÉCNICA - A pesquisa do Instituto IPPI foi realizada entre 11 e 16 de setembro. Foram entrevistados 2 mil eleitores em 90 municípios do Piauí, distribuídos por cotas de sexo, idade, grau de instrução e renda em relação ao eleitorado total desses municípios.

A margem de erro é de 2,19% pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), sob o número PI-02791/2022 e no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), sob o número BR-03135/2022.

Siga nas redes sociais

Compartilhe essa notícia: