Prefeitura assume gestão do hospital de Demerval Lobão

Pelos próximos 90 dias a administração hospitalar será feita em regime de cogestão.


O Hospital João Luis de Morais, de Demerval Lobão, gerido atualmente pelo Estado, vai ser municipalizado. Após a publicação do convênio no Diário Oficial - assinado pelo governador Wellington Dias; o secretário de saúde Florentino Neto e o prefeito Luiz Gonzaga de Carvalho Junior - começa a transição de gestão para a prefeitura de forma imediata.

De acordo com termo de descentralização, pelos próximos 90 dias a administração hospitalar será feita em regime de cogestão entre município e estado. Ao final desse período, o município assumirá integralmente a administração do Hospital João Luis de Morais.

Segundo o convênio, que tem validade de dois anos, o município terá que  planejar, gerenciar e executar as ações e serviços do hospital, além de fiscalizar a operacionalização das ações de atividades da unidade de saúde. A prefeitura terá ainda que oferecer serviços ambulatoriais e hospitalares baseados em ações da atenção básica.

“As dívidas realizadas até a data de assinatura da transferência serão pagas pela Secretaria de Saúde”, afirmou Florentino Neto. O anúncio foi feito durante a solenidade de posse da nova diretora da unidade, Andréia Cavalcante. Segundo o secretário, a nova diretora não precisará se preocupar com as contas, apenas focar na realização de um trabalho de excelência e que valorize à população.

Florentino acrescentou que a municipalização da unidade é uma parceria que permite cuidar daquilo que é mais importante para governo, que é a saúde das pessoas da cidade e da região. Na opinião do gestor, o hospital de Demerval Lobão tem uma boa estrutura que permitirá a realização de mutirões cirúrgicos nos finais de semana. “Vamos tratar sobre isso posteriormente com o prefeito Júnior”, adiantou.

O secretário defende ainda que é preciso instalar os serviços materno-infantis no hospital. “Temos que garantir que as mães tenham assegurado o direito de ter os filhos em sua cidade natal”, finaliza Florentino.

Fonte: Governo do Piauí

Próxima notícia

Dê sua opinião: