PANDEMIA

Hospitais do Norte do Piauí tem quase 100% dos leitos ocupados por pacientes com Covid-19

Na região Sul, o Hospital Local de Demerval Lobão, que possui sete leitos clínicos está com 100% de sua capacidade lotada


Profissional de Saúde em leito para paciente com Covid-19 no Piauí

Profissional de Saúde em leito para paciente com Covid-19 no Piauí Foto: Divulgação

Hospitais da região Norte do Piauí possuem quase ou 100% de seus leitos ocupados com pacientes infectados com o novo coronavírus. É o caso do Hospital Regional de Campo Maior, que possui nove dos 10 leitos clínicos ocupados, assim como o Hospital Regional Leonidas Melo de Barras, que possui oito dos 10 leitos também em uso; o Hospital Estadual Júlio Hartman, em Esperantina, está em uma situação igual ao de Campo Maior.

As informações constam no boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SESAPI) e foi disponibilizado à imprensa nesta terça-feira (23). O Piauí alcançou a marca de 517 mortes e 15.269 contaminados com o Sars-CoV-2.

Em Teresina, o Hospital da Polícia Militar e o Hospital de Doenças Tropicais possuem apenas uma vaga disponível, já o Hospital Geral do Monte Castelo tem apenas duas.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 827 ocupados, sendo 522 leitos clínicos, 287 UTIs e 18 de estabilização. As altas acumuladas são 861 e as altas do dia, 20. Das 224 cidades piauienses, 195 possuem casos de Sars-CoV-2, ou seja, 87,05% dos municípios. Coronel José Dias, Sul do Piauí, é o novo município a entrar na lista das cidades com casos infectados.

WD prorroga isolamento no Piauí

Ontem (22) o governador Wellington Dias prorrogou o isolamento social no Piauí até o dia 6 de junho. A decisão do Comitê Estadual Covid-19 levou em conta o aumento dos casos e no índice de transmissibilidade, além da dificuldade na compra de medicamentos usados no tratamento dos pacientes com coronavírus e na contratação de mais profissionais de saúde para atuarem no enfrentamento à pandemia. Ele também decretou luto de uma semana como forma de homenagear as 517 vítimas da doença e seus familiares.

Clique aqui e confira o boletim na íntegra

Próxima notícia

Dê sua opinião: