ACIDENTE AÉREO

Piloto que morreu em queda de avião é o mesmo que estava em acidente aéreo com Fábio Novo

O deputado Fábio Novo sofreu um acidente de aéreo no ano de 2008 no Sul do Piauí


Piloto Paulo César

Piloto Paulo César Foto: Arquivo pessoal

 O piloto de avião Paulo César Magalhães, de 56 anos, que morreu juntamente com mais três pessoas em acidente aéreo na noite dessa sexta-feira (15) no Ceará, era o mesmo que estava no acidente de avião com o deputado estadual Fábio Novo no ano de 2008. A informação foi confirmada pelo próprio deputado por meio de seu perfil nas redes sociais.

De acordo com Fábio Novo, o acidente ocorreu no dia 05 de outubro de 2008 quando ele fazia visita aos municípios do Sul do Piauí. "Em outubro de 2008 caímos juntos, após uma decolagem em Colônia do Gurguéia! Renascemos juntos, graças à sua calma e larga experiência. Ele feriu levemente o nariz! E eu o braço esquerdo! Lembro bem daquela tarde de domingo! Passei cerca de 3 anos sem voar. Venci o trauma com o Comandante Paulo César", relatou o deputado.

Fábio Novo disse ainda que conheceu o piloto quando era adolescente e que depois até recebeu aulas sobre pilotagem de Paulo César. "Que Deus te receba com os demais e conforte os familiares!", concluiu a postagem.

No acidente ocorrido ontem à noite, morreu também a enfermeira Samara Félix e dois médicos; Dr. Pedro Meneses e Dr. Carlos Victor Rodrigues. Todos eram piauienses e três deles foram buscar o médico Pedro Meneses em sobral para ser tratado da Covid-19 em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Teresina. A aeronave caiu numa mata na região da Serra da Ibiapina e todos morreram.

Veja a postagem completa:

 

Notícias relacionadas:

Dois médicos, uma enfermeira e piloto morrem em queda de avião que levava vítima da Covid

Veja quem são os quatro piauienses que morreram no acidente de avião no Ceará

Bombeiros e peritos buscam corpos de piauienses que morreram em acidente aéreo no Ceará

Próxima notícia

Dê sua opinião: