DECISÃO

Padre que assumiu relacionamento com mulher no Piauí é desligado da Igreja Católica

A Arquidiocese de Campo Maior emitiu um comunicado informando a decisão


Padre Alcindo Saraiva Martins

Padre Alcindo Saraiva Martins Foto: Reprodução/Facebook

O  padre Alcindo Saraiva Martins, da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, no Norte do Piauí, foi demitido do estado clerical e dispensado das obrigações sacerdotais nessa terça-feira (05). A Arquidiocese de Campo Maior divulgou nesta quarta-feira (06), o documento que confirma o desligamento do do padre, que assumiu um relacionamento amoroso com uma mulher de 24 anos no ano passado.  

O bispo de Campo Maior, Dom Francisco de Assis Gabriel dos Santos, decidiu pela demissão do padre das obrigações de pároco e afastamento territorial definitivo da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré. A decisão foi tomada em conjunto com dois padres Consultores da diocese: Padre Gilcimar Machado e Padre Luís Francisco Fonseca.  "Por decisão deste ordinário, a comunicação foi feita na Capela Episcopal", disse o documento.

A decisão é inapelável e não cabe qualquer tipo de recurso. Veja o comunicado na íntegra:

Relembre o caso

Em outubro do ano passado, uma jovem de 24 anos, residente em Campo Maior, no Norte do Piauí, afirmou que tinha um relacionamento com o padre Alcindo Saraiva Martins há quase dois anos .Ela relatou  Ela relatou que no começo de 2019 iniciou um relacionamento com o padre e teria engravidado duas vezes. Ela contou ainda que fez abortos após sugestão do religioso.

A jovem era integrante do coral da paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, que na época, Alcindo Martins havia acabado de assumir. Segundo a jovem, tudo teve início quando o padre comentou uma foto dela, postada no “Story”, de um aplicativo de mensagens. Desde então o padre passou a elogiar as publicações da mulher, que questionou o porquê de tanta atenção.

Escândalo

Após a repercussão da denúncia, a Diocese de Campo Maior divulgou nota de esclarecimento no dia 24 de outubro de 2020, esclarecendo o suposto  caso entre o padre Alcindo Saraiva Martins e a  jovem. Segundo a nota, em julho de 2020,  Dom Francisco de Assis recebeu na Cúria, a jovem que se envolveu com padre Alcindo. O bispo, solicitou que ela apresentasse provas sobre o que tinha denunciado. Em uma conversa com o bispo, padre Alcindo não negou ter se relacionado com a jovem, mas contestou a tese de gravidez e aborto. 

*Com informações de Campo Maior em Foco

Próxima notícia

Dê sua opinião: