SAÚDE

HGV tem meta de realizar 80 cirurgias bariátricas em 2020

O hospital voltou a realizar o procedimento nesse sábado (30), quando foram beneficiadas duas pacientes.


HGV

HGV Foto: Ascom

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) voltou a realizar cirurgias bariátricas. No sábado (30), foram atendidas as pacientes A.E.S.O., de 39 anos, e T.F.M.S.A., de 33 anos, por meio da regulação do Estado. As duas passam bem.

Os procedimentos foram conduzidos pelos cirurgiões Marlon Moreno e Wellington Figueiredo, e pelo anestesiologista Hamilton Barbosa de Sousa. A equipe de Enfermagem foi coordenada pela enfermeira Sílvia Andréa.

O diretor-geral do HGV, Gilberto Albuquerque, comentou a retomada da realização das cirurgias bariátricas no hospital. “Nesse último sábado, realizamos o teste de qualificação dos novos aparelhos e insumos utilizados, o que confirma que estamos aptos a realizar os procedimentos. Nossa equipe está treinada e qualificada para o trabalho”, explica o gestor.

Gilberto Albuquerque revela ainda que, após a conclusão do processo licitatório, a meta é realizar duas cirurgias semanais e 80 cirurgias por ano a partir de janeiro de 2020. “Já estaremos totalmente aparelhados com equipamentos e insumos para realizar normalmente as cirurgias bariátricas, seguindo a fila de espera da regulação do Estado”, explica o diretor.

Para o presidente da Fundação Estatal Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh), Welton Bandeira, a volta das bariátricas segue o plano da fundação de implementar todos os serviços de alta complexidade no HGV. “Como maior hospital público do estado, vamos oferecer todas as cirurgias que somos habilitados. Retomamos com as bariátricas nesse fim de semana, e no próximo também retornaremos as de catarata. O Getúlio Vargas estará atendendo plenamente os procedimentos de todas as especialidades possíveis”, conta Bandeira.

Fonte: HGV

Fonte: CCOM

Próxima notícia

Dê sua opinião: