AVALIAÇÃO

Coren-PI traça estratégias para avaliar segurança de profissionais de Enfermagem

Nessa sexta-feira (20), fiscais do Conselho estiveram no Hospital Infantil Lucídio Portela em reunião


Reunião no hospital infantil

Reunião no hospital infantil Foto: Ascom

O Comitê Gestor de Crise (CGC) do Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) elencou diretrizes de enfrentamento da pandemia do Covid-19. Dentre essas medidas está o redirecionamento temporário das atividades de fiscalização de rotina planejadas, priorizando ações estratégicas no combate e controle da propagação do vírus.

Nessa sexta-feira (20), fiscais do Conselho estiveram no Hospital Infantil Lucídio Portela em reunião com coordenadoras de Enfermagem para averiguar as condições de trabalho dos profissionais de Enfermagem em situação de enfrentamento ao coronavírus. Em Parnaíba, a vistoria aconteceu no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA).

Questões como a existência de planos de contingência, treinamento das equipes de Enfermagem, oferta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) adequados para todos e o dimensionamento de pessoal estão sendo acompanhadas de perto pelo Coren-PI.

"Estamos juntos no combate ao Coronavírus. Estamos intensificando as fiscalizações em relação à garantia dos Equipamentos de Proteção Individual para realização dos trabalhos das equipes de Enfermagem. Também estamos avaliando se há profissionais de Enfermagem suficientes e capacitados para uma assistência segura para eles mesmos e a população", destaca a presidente do Coren-PI, Tatiana Melo.

O Conselho reforça ainda que denúncias de irregularidades que possam comprometer a assistência segura em Enfermagem podem ser feitas por meio da Ouvidoria no site www.coren-pi.com.br ou pelo e-mail secretaria@coren-pi.com.br.

Fonte: Iconenoticia

Próxima notícia

Dê sua opinião: