FAMA

Curta 100% em libras do ex-BBB Victor Hugo é reconhecido em Hollywood

Esse foi exatamente o caso do curta-metragem “Segunda vez”, produzido pelo ex-BBB Victor Hugo e 100% em libras


O Brasil tem uma produção audiovisual e de entretenimento muito grande, que vem conquistando cada vez mais espaço e sendo reconhecida internacionalmente até mesmo em festivais e premiações.

Esse foi exatamente o caso do curta-metragem “Segunda vez”, produzido pelo ex-BBB Victor Hugo e 100% em libras, além de protagonizado por atores surdos, sendo selecionado para uma mostra de cinema no Raleigh Studios, em Hollywood.

De acordo com a coluna de Ancélmo Gois, as filmagens aconteceram no Edifício Copan, um dos mais conhecidos da cidade de DÃO Paulo, cuja história acompanha um casal se comunicando por meio de libras enquanto todos ao redor ficar observando.

“O filme é importante porque apresenta o lugar de fala dos surdos e a diversidade. A sociedade ainda categoriza o olhar com estigma”, disse Alexandre Ohkawa, intérprete de Libras que atua no curta.

Também segundo a coluna, cuja matéria foi escrita por Carlos Monteiro, o som “abafado” presente em “Segunda vez” foi desenvolvido em um estúdio a partir de relatos de Ohkawa e recria sua sensação auditiva.

A direção e o roteiro do filme, que tem legendas em português, são assinados pelo publicitário Rafa Oliveira. Para assisti a “Segunda vez”, !

Veja+: 

RELEMBRE QUEM GANHOU O OSCAR DE MELHOR CURTA METRAGEM

Em abril, durante cerimônia de entrega da 93a. edição do Oscar.

No ano passado, o vencedor foi o norte-americano “The Neighbors’ Window” com roteiro e direção de Marshall Curry. O filme concorreu com Brotherhood”, “Nefta Footbal Club”, “Saria” e “A Sister”.

Veja+: 

A festa do Oscar foi apresentada por Angela Bassett , Halle Berry , Bong Joon Ho , Don Cheadle , Bryan Cranston , Laura Dern , Harrison Ford , Regina King , Marlee Matlin , Rita Moreno , Joaquin Phoenix , Brad Pitt , Reese Witherspoon , Renée Zellweger e Zendaya.

Especialmente este ano, devido a pandemia, o 93º Oscar foi realizado na Union Station, principal centro ferroviário de Los Angeles e no Dolby Theatre, e transmitido ao vivo para mais de 225 países e territórios em todo o mundo.



Fonte: O Fuxico

Próxima notícia

Dê sua opinião: