IMPOSTO DE RENDA

Bolsonaro não corrige tabela e obriga 10,5 milhões a pagar Imposto de Renda

A isenção do imposto hoje só vale para quem ganha até R$ 1.903,98 por mês


Imposto de renda

Imposto de renda Foto: Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro adiou mais uma vez o cumprimento de sua promessa de campanha, de corrigir a tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física. Na prática, a omissão representa um novo aumento dos impostos. A cada ano, mais brasileiros são obrigados a pagar IR. E quem já paga leva uma mordida ainda maior no bolso. O cálculo é que 10,5 milhões de brasileiros estariam isentos do imposto se houvesse a correção da tabela.

Veja mais:

>> Câmara Setorial de Turismo do Piauí é reativada e tem nova diretoria

>> Quem recebeu auxílio pode ter que devolver valor; veja regra

A isenção do imposto hoje só vale para quem ganha até R$ 1.903,98 por mês (menos de dois salários mínimos). Mas, se a tabela fosse corrigida ao menos pela inflação, a isenção deveria valer para todos que ganham até R$ 4.022,89.

Fonte: UOL

Próxima notícia

Dê sua opinião: