INSATISFAÇÃO

Novo semáforo na Higino Cunha causa congestionamentos e irrita condutores

Nos horários de pico é grande a fila de carros que se forma no local


Agente da Strans

Agente da Strans Foto: Paulo Pincel

O que era para facilitar a vida dos condutores que acessam a avenida Higino Cunha, na zona Sul de Teresina, se tornou uma verdadeira dor de cabeça. A Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans) instalou e ligou no sábado (03) um semáforo no bairro Cristo Rei, na esquina da Rua Canadá com a Avenida Higino Cunha e desde então, os motoristas só reclamam do tempo que passam no local, formando longas filas de carros.

De acordo com o diretor de trânsito e sistema viário da Strans, José Falcão, a instalação do semáforo no local já estava previsto junto às intervenções realizadas na região da Piçarra, também na zona Sul, e o objetivo é facilitar o deslocamento de quem está na região do Conjunto João Emílio Falcão e Cristo Rei.  

Desde que passou a funcionar, o novo sinal tem causado bastante congestionamento e a Strans reconhece o problema. Ao Piauí Hoje, o órgão disse que está fazendo o ajuste nos tempos dos semáforos e também resolveu o problema da canaleta no cruzamento. A Strans disse ainda que o local está sendo monitorado diariamente.

Vale lembrar que antes a Avenida São Raimundo era mão dupla e passou a ser mão única no bairro Piçarra, fazendo com que os moradores do Cristo Rei ficassem em uma situação complicada para seguirem ao Centro.

A gerente de loja Cristina Nascimento não aprovou a mudança e diz que algo precisa ser feito para resolver o problema. "Passo por aqui diariamente e desde que colocaram esse sinal eu tenho me atrasado. A gente busca alternativas, mas não tem para onde ir. Trânsito requer paciência, mas pegar uma fila de carro como essas é muito estressante", reclama. 

Próxima notícia

Dê sua opinião: