COVID-19

Ministério da Saúde libera cloroquina para todos pacientes com Covid-19

O ministério recomenda a prescrição do medicamento desde os primeiros sinais apresentados, apesar da falta de evidências científicas sobre a eficácia do remédio


Medicamentos à base de Hidroxicloroquina e de Cloroquina

Medicamentos à base de Hidroxicloroquina e de Cloroquina Foto: Divulgação

Diante da recusa de dois ministros da Saúde, que optaram por pedir demissão para não assinar o documento, coube ao general Eduardo Pazuello, que assumiu a pasta de forma interina, liberar a cloroquina para todos os pacientes de covid-19.

Em documento divulgado nesta quarta-feira (20) com o novo protocolo, o ministério recomenda a prescrição do medicamento desde os primeiros sinais apresentados.

Apesar da falta de evidências científicas sobre a eficácia do remédio, de acordo com o documento, pacientes adultos com sintomas leves podem tomar os medicamentos a partir do primeiro dia. O mesmo ocorre para quem tem sinais moderados e graves.

Ressalvas

O Ministério da Saúde fez ressalvas técnicas de que, na prática, a droga não tem eficácia comprovada. A mudança ocorreu após pressão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para o uso em larga escala. Dois ministros da Saúde pediram demissão por discordarem do protocolo.

Fonte: Noticias ao minuto

Próxima notícia

Dê sua opinião: