Blog do Fábio
Sociedade

Foz do Iguaçu se despede da colunista social Das Graças

Maria Das Graças nasceu em Caratinga (MG) em 18 de novembro de 1944 e iniciou a carreira de fotógrafa ainda jovem, na cidade de Muriaé (MG)


Das Graças era a colunista social mais popular de Foz do Iguaçu

Das Graças era a colunista social mais popular de Foz do Iguaçu Foto: Divulgação

MORRE A COLUNISTA SOCIAL MAIS POPULAR DE FOZ DO IGUAÇU 

Faleceu na manhã desta quarta-feira (16) aos 77 anos a colunista social Maria das Graças Lopes de Farias. Ela ficou mais de 20 dias internada na UTI do Hospital Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu, com diversos problemas de saúde.

Das Graças era uma das pioneiras no colunismo social da região. Em 1987 trabalhou no o extinto jornal Primeira Hora. Seus últimos trabalhos foram no Jornal Primeira Linha e no programa Foz em Destaque, em um canal de televisão local por assinatura.

Em 2013, a colunista recebeu o título de Cidadã Honorária de Foz do Iguaçu. A homenagem foi um reconhecimento aos 30 anos de trabalho na cidade.

Maria Das Graças nasceu em Caratinga (MG) em 18 de novembro de 1944 e iniciou a carreira de fotógrafa ainda jovem, na cidade de Muriaé (MG). A partir daí, percorreu outros municípios de Minas e do Rio de Janeiro, sempre com sua câmera e as informações sobre os melhores eventos. Em 1983, Das Graças chegou a Foz do Iguaçu acompanhando a transferência do marido, o advogado e funcionário público federal, Ary de Campos.

À época que morei em Curitiba realizei um encontro de colunistas do Paraná em Foz do Iguaçu e ela (Das Graças) com Regina Vidal (que também já deixou o jornalismo) foram pessoas que deram apoio ao evento. Ficarão saudades.

Próxima notícia

Dê sua opinião: