VACINA

Anvisa aprova importação e uso das vacinas Covaxin e Sputnik V

Composto por cinco diretores, a maioria do colegiado da Anvisa aprovou o imunizante russo, mas os três pareceres técnicos, que devem ser apresentados hoje


Vacina russa sputinik

Vacina russa sputinik Foto: Divulgação

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), aprovou hoje a importação e o uso das vacinas Convaxin e Sputnik V no Brasil. A avaliação ainda esta sendo feita neste parte pela agência reguladora

"Destaco que fica autorizada a importação excepcional e temporária do seguinte quantitativo, correspondente a doses para imunização de 1% da população nacional, dentro do cronograma enviado pelo Ministério da Saúde: 4 milhões de doses", disse Alex Machado Campos, diretor da agência.

Composto por cinco diretores, a maioria do colegiado da Anvisa aprovou o imunizante russo, mas os três pareceres técnicos, que devem ser apresentados hoje, deverão fazer ressalvas

17 estados compraram Sputnik V Ao total, 17 governadores já adquiriram mais de 66 milhões de doses da Sputnik V, sendo que, caso aprovado o uso emergencial, 37 milhões de doses devem ser entregues ao país ainda neste semestre

Ao UOL, o governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias (PT), ressaltou que o imunizante russo é utilizado "em mais de 60 países" e que está "cheio de esperança"

Os processos de importação da Sputnik avaliados hoje são dos estados da Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Pernambuco, Piauí

Fonte: UOL

Próxima notícia

Dê sua opinião: