DNIT pode retomar as obras de duplicação das BR-343 e BR-316

Senador Elmano Férrer e o diretor do DNIT, Antônio Leite, discutiram a proposta


Senador  Elmano Férrer (PODEMOS-PI) com o Diretor-Geral do DNIT, Antônio Leite Santos Filho

Senador Elmano Férrer (PODEMOS-PI) com o Diretor-Geral do DNIT, Antônio Leite Santos Filho Foto: Assessoria

O senador Elmano Férrer (PODEMOS-PI) esteve reunido com o Diretor-Geral do DNIT, Gen. Antônio Leite Santos Filho, para tratar sobre as demandas de mobilidade do Piauí. O parlamentar busca soluções para obras de duplicação das BRs-316 (Teresina sentido Demerval Lobão) e 343 (da capital sentido Altos), que se encontram paralisadas.

Após a reunião, o senador Elmano Férrer informou que o DNIT vai cobrar o reinício das obras de duplicação aos acessos da capital e obediência ao novo cronograma, e caso isso não ocorra, retomará os trechos para sua gestão.

“Teresina é a única capital do Brasil que não tem os acessos de saída e entrada duplicados. O Governo do Estado solicitou, através do Ministério dos Transportes e DNIT, a delegação, trechos da BR-316 e da BR-343 para duplicação. Tomou um empréstimo de R$ 115 milhões ao BNDES para fazer 8,5 km de Teresina em direção a Demerval Lobão e 9 km de Teresina em direção a Altos. De 2012 para cá passaram-se seis anos e só foram realizadas 30% das obras. Os recursos foram gastos e as obras não foram feitas, trazendo grandes transtornos para cidade de Teresina e todos que acessam a capital”, ressaltou Elmano.

O senador Elmano Férrer também tratou das obras do Contorno Rodoviário de Teresina. “A importante obra do contorno rodoviário das BRs 343/226 na zona urbana de Teresina já se encontra em início de execução. Também tivemos a ótima notícia que será publicada em breve a licitação para a continuação da duplicação da BR-316 até Demerval Lobão será autorizada”, informou o senador Elmano Férrer. 

O senador levou ao DNIT a demanda de duas importantes pontes para a região dos Cerrados. A ponte sobre o rio Parnaíba na BR-235 entre Santa Filomena-PI e Alto Parnaíba-MA será iniciada nas próximas semanas, pois a última pendência existente – a Licença Ambiental de Instalação – foi enfim emitida pelo IBAMA. E está em andamento o processo de delegação para a SEMAR-PI da competência pelo licenciamento ambiental da ponte sobre o rio Parnaíba na diretriz da BR-330, interligando a divisa dos municípios Santa Filomena e Ribeiro Gonçalves a Tasso Fragoso-MA.

Fonte: Assessoria

Próxima notícia

Dê sua opinião: