ABUSO SEXUAL

Suspeito de estuprar filha e sobrinha de 6 anos é encontrado morto em delegacia no Piauí

O homem morreu horas depois de ser preso em Paulistana


Viatura do IML

Viatura do IML Foto: SSP-PI

 O pedreiro J.S.P, de 35 anos, foi encontrado morto dentro da Delegacia de Paulistana horas depois de ser preso suspeito de estupro de vulnerável. Na tarde dessa sexta-feira (26),   a equipe da Força Tática da Polícia Militar de Paulistana foi acionada para atender uma denúncia de abuso sexual contra duas crianças na cidade. As informações apontavam que o suspeito seria o próprio  pai de uma das  crianças e tio da outra, ambas de seis anos de idade. 

Após diligências, a polícia localizou J. S.P, no Centro da cidade. Ele é acusado de abusar sexualmente das duas crianças durante o período de guarda judicial. O suspeito é residente do povoado  Cariçó, zona rural de Paulistana.

J.S.P foi abordado e levado  para a 12° Delegacia Regional Policia Civil para os procedimentos cabíveis. As vítimas também foram levadas à delegacia  acompanhadas do Conselho Tutelar e por um irmão do suspeito. 

Os policiais relatam que após realizar o procedimento com as vitimas no Hospital Regional de Paulistana, retornaram  para fazer o exame de corpo de delito do suspeito, quando se depararam com ele pendurado com a própria camisa em uma das celas da delegacia. O suspeito já estava morto e o fato. O irmão da vítima presenciou o fato com os policiais.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado juntamente com a perícia para os procedimentos necessários. O corpo foi levado para a cidade de Floriano, para o exame cadavérico.   J.S.P já respondia poe outros crimes na comarca de Paulistana. A denúncia de abuso sexual foi feita por familiares do suspeito.   O caso deve continuar sob investigação da Polícia Civil do município.

Próxima notícia

Dê sua opinião: