SUSPEITO DE LATROCÍNIO

Baleado na perna, suspeito de matar sargento busca atendimento na UPA do Promorar

O suspeito não resistiu a dor e resolveu procurar atendimento médico após vários dias


Sargento Marcos Roberto e um dos suspeitos do assassinato

Sargento Marcos Roberto e um dos suspeitos do assassinato Foto: Montagem Piauí Hoje

Um suspeito de envolvimento na morte do sargento Marcos Robertos Freitas, da Polícia Militar do Piauí, deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento do Promorar, na zona Sul de Teresina, com um ferimento de bala na perna. O sargento de 49 anos foi morto por uma dupla durante assalto no bairro Porto Alegre no dia 04 de agosto e na ação ele ainda conseguiu balear um dos suspeitos. 

Samuel Rodrigues de Sousa, de 19 anos, pode ter sido o suspeito baleado pelo sargento. Uma dupla tentou roubar a arma do policial, que reagiu e acabou havendo troca de tiros. O policial foi atingido pelos disparos e morreu no local. Um dos suspeitos também foi atingido e os dois conseguiram fugir. Deste então, a polícia tenta localizar a dupla.

Samuel chegou à UPA lamentando de muita dor na perna e disse que tem mais de seis dias que está com o ferimento. Áudios compartilhados no WhatsApp revelam que o ele já tinha tentado atendimento na unidade hospitalar, mas não entrou porque viu um policial de plantão. No atendimento de hoje, foi verificado que o ferimento já está agravado e que o tecido da perna já está necrosando, correndo o risco de amputação do membro.  

A Polícia Militar e Civil foram acionadas e constaram que Samuel tem passagem pela polícia pela prática de diversos crimes como um latrocínio ocorrido no município de Açailândia, no Maranhão e estava foragido.

Segundo a polícia, Samuel deu outro nome e outro endereço na recepção do hospital, mas acabou sendo descoberto. Devido à gravidade do ferimento, ele foi encaminhado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT).

Ouça os áudios que circulam nos grupos de policiais:

WhatsApp Audio 2020-08-13 at 11.16.05 (1).ogg

WhatsApp Audio 2020-08-13 at 11.16.05 (2).ogg

WhatsApp Audio 2020-08-13 at 11.16.06.ogg

WhatsApp Audio 2020-08-13 at 11.16.07.ogg

WhatsApp Audio 2020-08-13 at 11.16.07 (1).ogg

Aguarde mais informações!

Próxima notícia

Dê sua opinião: