CHUVAS

Rio Marataoan se aproxima de ponte e assusta moradores de Barras

A população está preocupada porque a ponte tem mais de 50 anos que foi construída


Cheia do rio Marataoan em Barras

Cheia do rio Marataoan em Barras Foto: Reprodução/Redes sociais

Moradores de Barras, a 119 km ao Norte de Teresina, estão cada vez mais preocupados com a cheia do rio Marataoan. O rio já chegou a 5,70 metros, acima da cota de inundação que é de 4,00 metros. As águas já invadiram várias ruas e muitas famílias estão desabrigadas.

A rua Taumaturgo de Azevedo, conhecida como Rua Grande, no Centro da cidade, está alagada. Na entrada da zona urbana, na região conhecida como Pesqueiro, o nível da água já está no mesmo nível da ponte, o que causa pânico na população devido a estrutura ser antiga e chega a tremer por causa da força da água. Não há informação oficial se a ponte passou por reparos ao longo dos anos.

Segundo o site Logah.com, a Ponte dos Trabalhadores foi construída em 1961 sobre o rio Marataoan, uma construção de 59 anos. Uma parte da mureta de proteção está caída há cinco anos. A ponte já registrou rachaduras e segue sendo utilizada pela população. A estrutura mede 96 metros de comprimento e a construção foi iniciada na administração do governador Chagas Rodrigues, 61 a 65. 

De acordo com boletim da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), a tendência é que o rio aumente o volume nas próximos dias, podendo chegar a 6 metros. “O Rio Marataoan em Barras/PI apresentou uma tendência de elevação do nível devido a presença de acumulados de chuva na bacia nas ultimas 24 horas em 108 mm, onde o nível elevou-se 15 cm nas ultimas 24 horas. Na estação localizada em Barras foi registrada a cota de 5,69 m às 09:45 h de hoje, 25/03/2020, e com previsão de elevação do nível para a cota em torno de 5,71 m nas próximas 8 h, portanto 1,51m de lâmina de inundação”, diz último boletim divulgado pela CPRM.

Fotos publicadas no site Longah

Fonte: Longah

Próxima notícia

Dê sua opinião: