ENCHENTES

Rio Longá começa a baixar em Esperantina, mas Marataoan volta a subir em Barras

O rio Marathaoan deu uma recuada ontem, mas com a chuva o rio subiu novamente


Famílias retiradas da área de risco em Barras

Famílias retiradas da área de risco em Barras Foto: GAV

O nível da água do rio Longá começou a baixar nessa sexta-feira (13), mas ainda está acima da conta de inundação no município de Esperantina. O rio Marataoan, em Barras, diminuiu o nível na tarde de ontem e chegou a 5,07 m, mas com a forte chuva que caiu no município à noite, o nível subiu novamente e está em 5,16 metros de acordo com o  boletim divulgado na manhã de hoje (14), pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM). O rio Longá está com 8,31 metros.

Em Barras, o Grupo de Resgate Voluntário (GAV), juntamente com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) , Corpo de Bombeiro e Defesa Civil, têm realizado inúmeras ocorrências no município devido a enchente. Nessa sexta-feira (13), três pacientes foram retirados de locais de difícil acesso por uma ambulância do Samu.  Houve ainda um afogamento, rompimento de cabo de energia, captura de animal silvestre e retirada de famílias de áreas de risco.

Em Barras, já foram feitas 82 remoções de famílias em áreas de risco, sendo que 17 foram levadas para abrigos públicos, uma para aluguel social e 65 para o projeto família acolhedora.

Em Esperantina, 600 pessoas foram atingidas com o alagamento. A situação é mais delicada na zona rural, onde 24 famílias estão ilhadas e o acesso ao local só se dá por meio de canoa. O município tem 17 famílias em abrigos, 30 famílias em casas alugadas ou de familiares e 90 famílias que se recusam a deixar suas casas.

Próxima notícia

Dê sua opinião: