OBRA

Casa própria: como comprar e decorar sem passar sufoco

A oferta de imóveis em leilão tem crescido bastante nos últimos anos


Casa própria

Casa própria Foto: Michal Jarmoluk por Pixabay

Alcançar o sonho de se livrar do aluguel, às vezes, parece uma meta inatingível. Pincipalmente durante uma crise financeira como a que o mundo tem passado por consequência da pandemia causada pelo novo Coronavírus. Entretanto, momentos de crise podem abrir espaço para bons negócios para quem fica atento no mercado.

O arremate de imóveis em leilões online pode ser uma ótima escolha para quem já tem algum dinheiro no bolso e quer investir com inteligência. E oportunidade não falta: só neste mês, mais de 500 imóveis estão sendo leiloados no Brasil com até 70% de desconto.

A oferta de imóveis em leilão tem crescido bastante nos últimos anos. Segundo a Zukerman Leilões, o número aumentou 62% entre junho de 2016 e junho de 2017. Tomados os devidos cuidados, o arremate desses imóveis pode representar uma nova vida ou até mesmo um investimento estratégico.

Se a escolha é a compra do imóvel para transformá-lo em um lar, o próximo desafio é a decoração. Mesmo com a economia alcançada ao adquirir o imóvel por um preço muito abaixo do mercado, o consumidor que, desde a última crise econômica ocorrida na década 2000-2010 mudou seu comportamento e passou a buscar cada vez mais as melhores ofertas para comprar todo tipo de produto e serviço, tem também a opção de 

 arrematar móveis em sites de leilão, assim como objetos de decoração, uma solução alternativa para embelezar o imóvel fazendo uma economia considerável.

Pesquise e formule um plano

A primeira coisa importante para fazer quando está começando a decorar um imóvel é que essa decoração precisa ser coerente, acessível, inteligente e combinar com seu estilo. Desde a escolha de cadeiras e sofá até os menores itens de decoração, o arranjo final precisa resultar em uma sensação geral de aconchego e conforto. Por isso, a pesquisa do estilo adequado para a sua personalidade é tão importante. O conforto não é só uma questão de qualidade dos móveis, como também é visual.

Depois de tomar essa decisão, existem formas de execução que permitem uma decoração sofisticada sem gastar muito.

Renove móveis antigos

Comprar móveis novinhos é um sonho e com o tempo é possível realizá-lo, comprando um item de cada vez. Mas quando é feita a mudança para um novo imóvel, comprar tudo de uma vez fica muito caro. Para dar uma cara nova no seu lar, uma boa alternativa é renovar os móveis que ja estão disponíveis. Uma nova pintura, a troca de portas ou puxadores, ou até mesmo encapar com adesivos decorativos pode transformar aquele móvel desgastado em um item novo. Muitas vezes, familiares ou amigos estão prontos para se desfazer de alguns de seus móveis. Aceite o presente e transforme esse móvel antigo em algo que combine com o seu novo lar.

Pintura, pintura, pintura!

Nada como uma tinta fresca para renovar as energias de um ambiente. E ela pode ser mais útil do que parece. Quando for escolher a pintura de seu novo apartamento ou casa, lembre-se de que este imóvel agora é seu: você saiu do aluguel e não vai precisar pintá-lo de branco novamente quando terminar seu contrato. Por isso, não tenha medo de escolher cores, texturas e padrões que fujam do básico. Só uma parede bem pintada pode transformar um imóvel em um lar aconchegante e estiloso.

E os azulejos não fogem dessa regra. Muitos apartamentos antigos que estão disponíveis nos sites de leilão são bastante antigos e os azulejos dos banheiros e cozinhas já estão fora de moda. Não é necessário viver assim. Existem no mercado opções de tinta para esse tipo de superfície. Elas são laváveis e custam muito menos do que a troca dos azulejos. Além disso, não é preciso contratar alguém para fazer o serviço, já que a aplicação é simples!

DIY e móveis de pallets

Hoje em dia existem inúmeros tutoriais que ensinam a fazer diversas peças para decoração pela internet. Desde a produção de vasinhos de cimento até cabeceiras e mesas de centro, é possível economizar muito com as técnicas de DIY - Do It Yourself (“Faça Você Mesmo”, em inglês). Muitas das ideias usam pallets e caixotes de feira para montar peças super modernas e estilosas para a casa. Vale a pena pesquisar!

Plantas

Nunca as plantas estiveram mais na moda do que hoje. Samambaias, mini palmeiras, cactos, trepadeiras… são inúmeras as escolhas. Independentemente do estilo, as plantas trazem vida ao imóvel, filtram o ar e decoram com um investimento baixíssimo. Elas ainda podem ficar em prateleiras, carrinhos, penduradas no teto, no banheiro e aonde mais quiser, dependendo da espécie e sua adaptação com a oferta de luz disponível no cômodo.

Qualquer que seja o estilo escolhido, inspiração e imaginação são sempre bem-vindos quando o assunto é decoração. O importante é não ter medo de ousar e pensar a decoração para que ela atenda as suas necessidades da maneira certa!

Fonte: agência digital emarket

Próxima notícia

Dê sua opinião: