EVENTO

Lançamento do Projeto Curso de Saberes do Ofício da Baiana de Acarajé em Teresina/PI.

O Projeto terá o seu lançamento dia 09 de agosto, às 18h, no Memorial Esperança Garcia.


Evento

Evento Foto: Divulgação

O Projeto “Curso de Saberes do Ofício da  Baiana de Acarajé”, encerrou inscrições para os cursos: Baianas de Acarajé, Turbantes e Medicina Tradicional. Contou com 230 inscritos, com participação de comunidades de terreiros dos seguintes municípios: Parnaíba, Pedro II, Piripiri, Campo Maior, N.S dos remédios, Nazária e Teresina. Veja a lista dos selecionados.

O Projeto terá o seu lançamento dia 09 de agosto, às 18h, no Memorial Esperança Garcia, em Teresina – PI. Devido às limitações por causa da pandemia do coronavírus, o evento será restrito para um número reduzido de convidados e alunos do projeto. Esperamos por você para celebrarmos essa conquista! O músico James Brito fará apresentação musical no lançamento do projeto.

Sobre James Brito:

James Brito é natural de Teresina, intérprete de suas próprias composições. Dois estilos musicais sempre estiveram marcantes em suas composições: o punk e o reggae. Bem conhecido no espaço da música piauiense, James Brito toca com os músicos Dimas Bezerra, Jorjão e outros. Possui dois CDs gravados com músicas autorais.

Sobre  Projeto Curso de Reprodução de Saberes do Ofício da Baiana:

Os cursos tem como objetivos resgatar e valorizar a cultura dos povos de matriz africana do Estado do Piauí, bem como ajudar a população negra, em especial os povos de matriz africana, no tocante à geração de emprego e renda.

Em tempos de pandemia, muitas/os tem sofrido por ter perdido o emprego, pois muitas dessas mulheres eram diaristas, vendedoras autônomas, muitas trabalhavam informalmente.

O carro chefe é o curso de Baianas do Acarajé. O acarajé é uma comida de orixá, das comunidades de terreiros, que é oferecida a Iansã. O projeto trabalhará a gastronomia, a questão cultural, respeitando os saberes tradicionais dos povos de terreiros. Duas instrutoras da ABAM – Associação Nacional de Baianas de Acarajé, virão de Salvador e farão a capacitação, durante 15 dias. No final do curso, metade das participantes receberão o kit tabuleiro, com o material necessário para iniciar seu negócio. A ideia é criar, no final a Associação das Baianas de Acarajé de Teresina.

Contrapartida do projeto:

O  projeto ofereceu como contrapartida ao Memorial Esperança Garcia, a compra de câmeras de vigilância, cerca elétrica, bebedouro e pintura do prédio, onde funcionará toda a parte teórica!!! E a prática do curso de baianas de acarajé, será realizado na Nova Ceasa, parceira do projeto.

Realizadores: O Projeto é uma realização da Associação Santuário Sagrado Pai João de Aruanda – ASPAJA, financiado pela Lei Aldir Blanc/Edital AFRÂNIO CASTELO BRANCO, através da SECULT-PI,/Governo do Estado do Piauí/ Ministério do Turismo/Governo Federal.

Parceiros: Governo do Estado do Piauí, SECULT-PI, SASC, NOVA CEASA, Memorial Esperança Garcia.

#BaianasdeAcarajé #OfíciodasBaianas #LegadoAncestral#Compromisso #Salvaguarda #Cultura #MulheresEmpreendendoras  #Teresina #Piaui#Brasil #LeiAldirBlanc #Secult-Pi #PatrimônioImaterial #LeiAldirBlancPiaui #CulturaQueMovimenta #NovaCeasa #Sasc #Ccom #Abampi #LuzNegra #Cenarab-PI #CursodeReproduçãodeSaberesdoOfíciodaBaiana

Contato: Pai Rondinele Santos – 86-99436-2723

Leide Sousa ( 86) 9 9958-6184

Próxima notícia

Dê sua opinião: