Geral

Motoristas do Uber aderem ao protesto dos caminhoneiros

Eles protestam contra o aumento no preço dos combustíveis
Fonte: Redação | Editor: Alinny Maria 24/05/2018 19:32
Foto FotoFoto: © Fernando Frazão/Agência Brasil

Os motoristas do Uber e táxis aderiram ao protesto dos caminhoneiros e interditaram a BR-316 na tarde desta quinta-feira (24), onde dá acesso ao terminal de petróleo da Petrobras em Teresina, zona Sudeste da capital. Eles protestam contra o aumento no preço dos combustíveis. O objetivo do movimento no terminal de petróleo é impedir a entrada de caminhões-tanques, a fim de haver a redução no preço dos combustíveis.

Zona Sul – Na tarde de hoje (24), vários motoristas realizaram uma passeata no balão do bairro Tabuleta, zona Sul. A via ficou completamente bloqueada por uma hora.

Zona Leste – Cerca de 60 veículos se concentraram na Ponte Estaiada e bloquearam o único sentido que dá acesso ao local.

No Piauí, este é o terceiro dia da greve dos caminhoneiros que ocorre em cinco cidades: Bom Jesus, Marcolândia, Picos, Teresina e Uruçuí.

Greve dos caminhoneiros em Teresina

Falta combustível – A Infraero emitiu um relatório nessa quarta-feira (23) informando que o combustível reservado no Aeroporto Petrônio Portella, em Teresina, só será suficiente para abastecer as aeronaves até amanhã (25). Desta forma, os voos serão cancelados.

Os postos de combustível também estão com estoque abaixo da média. Um posto da capital já esgotou o estoque. Segundo o presidente do Sindicato dos Proprietários dos Postos de Gasolina, Alexandre Cavalcante, amanhã faltará combustivel nos postos da capital.

Comentários