GASTOS

Senadora e mãe de Ciro Nogueira torra verba abastecendo jatinho que não tem

Como está licenciado do Senado para o cargo no governo, Nogueira ficou sem o penduricalho para abastecer a aeronave


Senadora Eliane e o filho Ciro Nogueira

Senadora Eliane e o filho Ciro Nogueira Foto: Divulgação

Após assumir como suplente do filho, alçado à Casa Civil por Jair Bolsonaro (Sem partido), Eliane Nogueira (PP-PI), mãe de Ciro Nogueira, está torrando verba parlamentar com combustível de avião. O detalhe: Eliane não tem nenhuma aeronave, segundo a declaração feita ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 2018. Presidente do PP, o ministro da Casa Civil é quem possui um jatinho Beech Aircraft B200, avaliado em R$ 2,8 milhões.

Notícias relacionadas

Como está licenciado do Senado para o cargo no governo, Nogueira ficou sem o penduricalho para abastecer a aeronave. No entanto, a mãe declarou ter gasto R$ 46,9 mil de sua cota parlamentar para gastos com combustível de avião, segundo dados do Portal da Transparência do Senado.

Segundo reportagem de Renato Machado, na Folha de S.Paulo, declaração é semelhante às despesas apresentadas pelo filho, que gastou R$ 262,1 mil de sua cota parlamentar com combustível para avião.

Além disso, as notas fiscais apresentadas pela senadora para tais viagens coincidem com locais em que o ministro Ciro Nogueira esteve, segundo sua agenda oficial e registros nas redes sociais.

Ciro Nogueira promove mamata em família

Advogada, Juliana e Silva Nogueira Lima (PP-PI), de 45 anos, irmã do ministro, ganhou um cargo durante o primeiro ano do governo Bolsonaro na Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), também conhecida como a “estatal do Centrão”.

Juliana foi nomeada em 8 de outubro de 2019 como assessora do presidente da Codevasf e segue no posto até hoje, apesar de trocas no comando da estatal.

O cargo da irmã de Ciro Nogueira é comissionado, portanto de livre nomeação. A advogada recebe mensalmente salário bruto de R$ 17.875,55.

Fonte: Revista Forum

Próxima notícia

Dê sua opinião: