Geral

Piauí deve ganhar 27 novas fazendas solares e parques eólicos até 2026

Além do ganho ambiental, o crescimento dessas fontes gera emprego e renda ao Estado

Da Redação

Terça - 14/06/2022 às 16:10



Foto: Arquivo/CCEE Energia Eólica
Energia Eólica

O Piauí deve receber mais de R$ 6 bilhões em investimentos de empresas do setor elétrico para o início da operação comercial de 27 novos parques eólicos e fazendas solares até janeiro de 2026. A informação é da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) e consta em relatórios de leilões de energia nova realizados nos últimos anos pela própria organização e pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Segundo a CCEE, serão 21 empreendimentos para geração eólica e seis para solar fotovoltaica, que juntos devem entregar anualmente ao Sistema Interligado Nacional (SIN) aproximadamente 322 megawatts médios, volume equivalente a quase 60% de toda a energia que é consumida em território piauiense. As novas usinas somarão mais de mil megawatts de potência, aumentando a capacidade instalada dessas fontes no estado dos atuais 3.800 megawatts para quase cinco mil megawatts.

O Piauí está entre os estados que mais produzem energia renovável no Brasil, especialmente eólica. Na avaliação da Câmara de Comercialização, além do ganho ambiental, o crescimento dessas fontes gera emprego e renda, aumenta a confiabilidade do SIN e mantém o setor elétrico brasileiro entre os mais sustentáveis do mundo.

Fonte: CCEE

Siga nas redes sociais

Compartilhe essa notícia: