Brasil

Triatleta atingida por bote dos Bombeiros morre dois dias após acidente

Ludimila Barbosa estava internada na UTI do Hospital Geral de Palmas (TO) em estado grave desde domingo (02)
Fonte: Notícias ao Minuto | Editor: Redação 04/12/2018 10:55
Ludimila Barbosa Oliveira Ludimila Barbosa OliveiraFoto: Reprodução / Facebook

A triatleta Ludimila Barbosa, atingida por um bote salva-vidas dos Bombeiros durante competição, morreu na manhã desta terça-feira (4). A vítima, de 40 anos, estava internada na UTI do Hospital Geral de Palmas (TO) em estado grave. Após o acidente, o pé esquerdo dela havia sido amputado. A Secretaria Estadual da Saúde informou o óbito em nota. O corpo foi levado para o IML de Palmas, onde será feito um exame necroscópio para verificar as causas do acidente, explica o 'G1'.

O acidente ocorreu durante a 6ª etapa do circuito estadual de Maratona Aquática do Tocantins, no lago de Palmas, nesse domingo (2). Ludimila era professora no Centro Municipal de Educação Infantil João e Maria, da Prefeitura de Palmas e participava de competições desde o fim de 2017.

O acidente está sendo investigado pela Marinha do Brasil. O comandante da instituição em Palmas, Capitão Alberto Ramos, disse que ainda é cedo para falar sobre a investigação. "O inquérito que foi instaurado hoje pela Capitania Fluvial do Araguaia Tocantins irá detalhar estas circunstâncias com o propósito de apurar as causas e responsabilidades", explicou ao site.

Comentários