Política

TCE-PI bloqueia as contas de prefeituras e câmaras municipais

Os gestores deixaram de prestar contas, segundo e o Minsitério Público de Contas
Fonte: MPC | Editor: Paulo Pincel 15/09/2017 11:32
Procurador Plínio Valente Procurador Plínio ValenteFoto: Paulo Pincel

O Ministério Público de Contas recomendou e o Tribunal de Contas do Estado do Piauí, em reunião do Pleno de quinta-feira (15), determinou o bloqueio das contas de quatro prefeituras, cinco Câmaras Municipais, três consórcios municipais e os Regimes Próprios de Previdência Social de três municípios.

A justificativa do MPC é a ausência de prestações de contas. No dia 30 de agosto, o procurador-geral de Contas, Plínio Valente, encaminhou uma lista de municípios inadimplentes para Associação Piauiense de Municípios e União das Câmaras do Estado do Piauí para que os gestores regularizassem a situação, sob pena de bloqueio das contas de seus municípios.

Confira a lista:

Prefeituras Municipais

Eliseu Martins
Itaueira
Novo Oriente do Piauí
Parnaguá

Câmaras Municipais

Murici dos Portelas
Nossa Senhora dos Remédios
Novo Oriente do Piauí
Passagem Franca do Piauí
Sebastião Barros

Regimes Próprios de Previdência Social

Capitão de Campos
Eliseu Martins
Novo Oriente do Piauí

Consórcios Municipais

Consórcio dos Municípios do Médio Parnaíba do Piauí – Consórcio Regional de Saneamento do Sul do Piauí
Consórcio Regional de Desenvolvimento da Planície Litorânea Piauiense

Comentários