Esportes

Rússia elimina Espanha nos pênaltis

A partida terminou empatada em 1 a 1 no tempo normal e o resultado seguiu o mesmo na prorrogação
Fonte: Noticias ao Minuto | Editor: Redação 01/07/2018 13:40
Rússia elimina Espanha Rússia elimina EspanhaFoto: El Pais - El País

A Rússia venceu a Espanha nos pênaltis, neste domingo (1º), e avançou às quartas de final da Copa do Mundo. As equipes empataram em 1 a 1 nos 90 minutos e o resultado seguiu o mesmo na prorrogação. Nas penalidades, os anfitriões derrotaram os espanhóis por 4 a 3.

A partida foi disputada no estádio Lujniki, em Moscou. Com a classificação, a Rússia aguarda o vencedor do duelo entre Croácia e Dinamarca para saber quem enfrentam nas quartas de final da Copa do Mundo.

O JOGO COM A BOLA ROLANDO:

Prorrogação

Na prorrogação, as duas equipes se arriscaram mais, principalmente na segunda etapa. A Espanha mostrou que não queria decidir a vaga nos pênaltis e chegou mais a meta adversária. No entanto, o placar terminou igual: 1 a 1.

Segundo tempo

O segundo tempo foi morno e sem emoções. As equipes buscaram o desempate, mas ninguém criou chances incríveis.

Primeiro tempo.

O primeiro gol do jogo saiu aos 12 minutos do primeiro tempo. Asensio levanta a bola na área em cobrança de falta, Sergio Ramos disputa com Ignashevich, que vai ao chão, mas toca com o tornozelo para as próprias redes! A Fifa ficou na dúvida sobre o autor, mas acabou assinalando contra do zagueiro russo.

O empate veio no minuto 41. Piqué tocou uma das mãos na bola dentro da área a o juiz marcou pênalti. Dzyuba bateu no canto esquerdo do goleiro De Gea e deixou tudo igual.

Sergio Ramos

Sergio Ramos iguala Casillas e agora é o jogador espanhol com mais jogos em Copas. Nesta partida contra Rússia, capitão atinge 17 jogos de Mundial

Escalações iniciais

Espanha: De Gea; Nacho, Sergio Ramos, Piqué e Jordi Alba; Busquets, Koke, David Silva, Isco e Asensio; Diego Costa.

Técnico: Fernando Hierro

Rússia: Akinfeev; Kutepov, Ignashevich, Kudryashov e Fernandes; Zhirkov, Kuzyaev, Samedov e Zobnin; Golovin e Dzyuba.

Técnico: Stanislav Cherchesov

Comentários

Matérias Relacionadas